×

Racismo | Negros tem mais que o dobro de chance de ser assassinado no Brasil, aponta Atlas da Violência

Os dados divulgados nesta terça-feira, 31/08, são do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (IPEA) e do Fórum Brasileiro de Segurança Pública, em parceria com o Instituto Jones dos Santos Neves (IJSN).

terça-feira 31 de agosto | Edição do dia

FOTO: REGINALDO PIMENTA/AGÊNCIA O DIA/ESTADÃO CONTEÚDO

Os dados apresentados pelo Atlas da Violência 2021 mostram que apesar da redução do número total de homicídios entre 2009 e 2019, 20,3%, a redução de homicídios entre pessoas negras foi menor, de apenas 15,5%.

Totalizando 77% das vítimas de homicídios, a população negra é a que mais morre por motes violentas tendo 2,6 vezes mais chances de morrer. Segundo dados de 2019, enquanto a população não negra assassinada representou 11,2 para cada 100 mil habitantes, a população negra representou assombrosos 29,2 para cada 100 mil. A taxa geral de homicídios por 100 mil habitantes foi de 21,7.




Comentários

Deixar Comentário


Destacados del día

Últimas noticias