×

LUTA POR MORADIA | Moradores de ocupação fazem protesto contra despejo no centro do Recife

Os moradores da Ocupação Leonardo Cisneiros, localizada no antigo prédio do INSS abandonado, fizeram protestos contra a tentativa de despejo.

sexta-feira 2 de julho | Edição do dia

Na capital com um dos maiores índices de desigualdade social e déficit habitacional do país, há vários prédios vazios e pessoas sem ter onde morar. Com a crise sanitária e econômica, que jogou o desemprego para as alturas (com Pernambuco dividndo o posto de primeiro lugar do pais junto com a bahia), a situação piorou ainda mais: várias famílias não conseguem pagar seu aluguel e acabam sendo despejadas.

Foi isso que motivou as mais de 200 famílias ocupantes da atual ocupação Leonardo Cisneiros, localizada no bairro de Santo Antônio, a ocupar um prédio vazio do INSS no centro do Recife, no último mês de maio. Apesar do prédio estar abandonado, o INSS anunciou que iria pedir reintegração de posse. Desde então, os moradores da ocupação, já desalojados de sua antiga casa, correm o risco de ir de novo para o olho da rua em plena pandemia.

Frente a isso, tem realizado uma série de atos. O último ocorreu na manhã de hoje, na rua Rua Marquês do Recife e Martins de Barros.

Essa é mais uma mostra da política do PSB na cidade e no estado. Enquanto deixam o déficit habitacional explodir, reprimem quem ocupam prédios vazios. Isso só mostra que as prioridades do governador Paulo Câmara e do prefeito João Campos é garantir o lucro da especulação imobiliária às custas dos trabalhadores e do povo pobre.

Nós do MRT e do Esquerda Diário damos todo apoio aos ocupantes e acreditamos que as mobilizações de amanhã tem que enfrentar não apenas Bolsonaro, mas também seu vice Mourão e todos os responsáveis por todos os ataques, como o PSB aqui, o mesmo partido que PT e PSOL estão sedentos para forma uma Frente Ampla.




Comentários

Deixar Comentário


Destacados del día

Últimas noticias