×

CPI COVID | Michelle Bolsonaro é citada como provável envolvida no caso de superfaturamento de vacinas

Investigações da CPI da Covid mostram que, em ligações do cabo da polícia militar, Luiz Paulo Dominguetti, a primeira dama bolsonarista é citada como tendo atuado no caso de superfaturação das vacinas, negociadas entre o governo e a empresa Davati.

segunda-feira 12 de julho | Edição do dia

Foto: ADRIANO MACHADO/REUTERS

A CPI apurou as ligações do militar de Março, em que ele fala com um interlocutor chamado Rafael Compra Deskartpak sobre a operação, dizendo “Michelle está no circuito agora. Junto ao reverendo. Misericórdia”. Esse reverendo relacionado à Michelle, Amilton Gomes de Paulo, atuou para aproximar os vendedores da vacina ao gabinete de Bolsonaro.

Nessa mesma conversa, o interlocutor Rafael fica surpreso com a notícia de que a primeira dama estaria envolvida com o caso, e então ele diz “Quem é? Michele Bolsonaro?”, ao que Dominguetti responde “esposa sim”. Depois disso, Rafael diz para o cabo procurar o “Cris”, Cristiano Carvalho, presidente da empresa Davati, a empresa envolvida nos superfaturamentos, no Brasil.

Não surpreende que a esposa de Bolsonaro esteja envolvida no escândalo de corrupção e em todas as empreitadas bolsonaristas. Isso mostra o conjunto desse governo podre, em que mulheres e homens burgueses atuam em conjunto para piorar a vida dos trabalhadores, em prol de seus privilégios e lucros. Os acontecimentos da CPI mostram o que não é novidade para o povo: O governo de conjunto, composto por Bolsonaro, Mourão e os militares, não mede esforços para solapar tudo o que é dos trabalhadores, superfaturando vacinas, superfaturando oxigênio de respidarores, tudo isso para lucrar às custas da nossa desgraça.

Não se pode, no entanto, deixar-se enganar que a CPI da Covid irá derrubar o governo no sentido de combater o governo e seu projeto de país. Do contrário, a intenção da CPI é desgastar a figura de Bolsonaro para que alguma outra figura da direita entre no páreo eleitoral como "mais moderada" e antibolsonarista, quando, na verdade, representa o mesmo projeto de país.




Comentários

Deixar Comentário


Destacados del día

Últimas noticias