×

Transporte público PoA | Melo quer criar loteria pública para sustentar seus amigos empresários do transporte

Nos próximos dias deve ser debatido na Câmara de Vereadores de Porto Alegre um projeto de lei que cria uma loteria municipal. A proposta, que prevê uma empresa que se responsabilize pelos sorteios, é justificada por Melo (MDB) como uma solução para garantir o sistema de transporte público. Em outras palavras, para garantir os lucros dos empresários.

sábado 23 de abril | Edição do dia

Foto: Mateus Bruxel/Agencia RBS

O projeto de lei que prevê criação de loteria municipal em Porto Alegre é assinado por Melo e será debatido entre os vereadores. Na justificativa de Melo está a "responsabilidade de prover o serviço de transporte público", ou seja, uma loteria para sustentar os lucros dos empresários do transporte. Praticamente um "trilegal" da ATP.

Segundo Melo: "Caso o projeto de lei seja aprovado, ainda vai depender da empresa que conseguir viabilizar a loteria para fazer ser um produto atrativo ao porto-alegrense, que vai decidir incentivar uma causa atrelada a uma loteria como a federal". As empresas de transporte de ônibus de Porto Alegre ganharam milhões em subsídios da prefeitura durante a pandemia sem investir em quase nada na qualidade ou ampliação de linhas de ônibus. Pelo contrário, diminuiram linhas fazendo ônibus andarem superlotados.

Para que o transporte público esteja a serviço da população, é preciso enfrentar a sede de lucro dos empresários do transporte e lutar pela abertura dos livros de contas do transporte público, para que a população saiba de fato quanto lucram e onde estão os gastos. Uma demanda que se liga a defesa de um transporte gratuito e 100% público em Porto Alegre, estatizando sem indenização as empresas da ATP, sob controle dos trabalhadores rodoviários e da população, que são os únicos que conhecem as necessidades do transporte e que podem gerir racionalmente o sistema.




Comentários

Deixar Comentário


Destacados del día

Últimas noticias