×

Bolsonaro | Mamata: Bolsonaro gasta R$ 360 mil para participar de atos antidemocráticos em Setembro

Gastos seriam referentes a viagem do presidente entre Brasília e São Paulo para que o mesmo participasse dos atos antidemocráticos do 7 de setembro.

quinta-feira 4 de novembro | Edição do dia

IMAGEM: EVARISTO SA/ AFP

Nesta quinta-feira (4), foi revelado pela Secretaria-Geral da Presidência, através de uma solicitação pela Lei de Acesso à Informação (LAI), que o presidente Jair Bolsonaro gastou centenas de milhares de reais para participar do ato antidemocrático de 7 de Setembro em São Paulo.

O valor seria referente apenas ao custo da viagem entre Brasília e São Paulo, totalizando R$ 360.166,73, ainda que não foram detalhadas as despesas em torno disso. Ainda assim, a própria secretaria revelou que o valor estaria sujeito a alterações, apresentando isso depois da apresentação de dois recursos à LAI.

Os gastos aconteceram nos atos do dia 7 de setembro, quando Bolsonaro e seus apoiadores organizaram mobilizações no país, defendendo abertamente um conteúdo extremamente reacionário, ameaçando diretamente a representantes de outros poderes, como o Judiciário ao mesmo tempo que haviam setores defendendo a ditadura militar, entre outros conteúdos antidemocráticos.

Nos dias seguintes, o mesmo acabou recuando com o seu tom, tendo que se dobrar ao golpista Temer para buscar uma conciliação com Alexandre de Moraes e outros setores do regime. Ainda assim, essa situação odiosa se agrava quando se há um custo nela, sobretudo, quando há centenas de milhares de reais envolvidos num momento onde as pessoas no país fazem filas para revirarem o lixo em busca de algo para sobreviver.

Saiba Mais: A volta de Temer: por que o vampiro saiu da tumba?

Este deboche de Bolsonaro só escancara a necessidade de seu enfrentamento, assim como de todos os demais setores responsáveis por essa crise e que a aprofunda, ainda mais com episódios deste tipo em meio a inúmeros ataques e retiradas de direitos incessantes.

Leia Também: Que os grandes empresários paguem pela crise




Comentários

Deixar Comentário


Destacados del día

Últimas noticias