×

Vale do Paraíba | MWL é multada e justiça determina que seja feito o pagamento dos salários

O TRT considerou que a greve de mais de 70 dias é legítima e determinou que a fábrica de Caçapava pague os salários atrasados integralmente, sem descontar os dias de paralisação.

quinta-feira 14 de julho | Edição do dia

Neste dia 13 o Tribunal Regional do Trabalho (TRT) da 15ª região determinou uma decisão favorável aos trabalhadores da fábrica MWL que estão em greve há cerca de 70 dias. A decisão obriga que a empresa pague os salários atrasados de todos os trabalhadores e reintegre os trabalhadores demitidos por considerar que houve prática antissindical. Isso também rendeu uma multa de R$200 mil e a obrigação de que a empresa não desconte os dias de paralisação e garanta 90 dias de estabilidade.

Essa é uma importante conquista que vem como fruto da mobilização dos trabalhadores que, com a ajuda do Sindicato de Metalúrgicos de São José dos Campos e Região (CSP-Conlutas), fizeram passeatas na região e em São Paulo, mantiveram acampamentos em frente a empresa e inclusive ocuparam a fábrica por algumas horas mostrando para a justiça e a patronal que tinham muita disposição para lutar.

Entretanto é muito importante os trabalhadores estarem alerta e manterem se manterem mobilizados até que todas as demandas sejam cumpridas pela empresa, por que ela já mostrou, em outros momentos, que não se importa muito em passar por cima da legislação. É muito importante os trabalhadores terem a consciência que a justiça trabalha para os interesses dos patrões e só dão a causa aos trabalhadores quando a força da mobilização a obriga.

Justamente por isso precisamos exigir que todas as grandes centrais sindicais saiam da sua paralisia criminosa e ao invés apostarem na conciliação de classes com a chapa Lula Alckmin, movam suas bases para dar toda solidariedade e potencializar cada luta como essa da MWL. Somente assim, por um caminho da luta de classes, é que vamos realmente derrotar Bolsonaro e a extrema direita.




Comentários

Deixar Comentário


Destacados del día

Últimas noticias