Mundo Operário

MG: Trabalhadores da saúde farão paralisação de 48h contra demissões de Zema

terça-feira 8 de dezembro de 2020| Edição do dia

Foto: Reprodução/ Divulgação

Nesta quarta-feira, 09, às 7h da manhã, trabalhadores de hospitais do estado de Minas Gerais farão uma paralisação de 48h com acampamento na Assembleia Legislativa-MG com o objetivo de pressionar os Deputados Estaduais a incluir as Emendas propostas pelo SINDPROS na PL 2150/2020.

O PL de Zema é um ataque profundo a todo o conjunto dos servidores públicos, inclusive aos efetivos, que com a falta de concursos públicos, estão cada vez mais reduzidos. Defendemos a imediata efetivação dos contratados e terceirizados sob risco de demissão sem a necessidade de concurso público, pois já se provaram capazes de exercer a função que ocupam, e em meio a pandemia se mostraram ainda mais necessários.

Veja mais: Zema despreza os trabalhadores da saúde: efetivação dos contratados sem concurso já!

Para isso é necessário unificar efetivos e contratados de todas as categorias do funcionalismo, homens e mulheres, negros e brancos, para conquistar pela força da mobilização a efetivação de todos os contratados sem concurso público e impor a legalidade através da luta, enfrentando Zema, Kalil e também o judiciário que se volta contra os trabalhadores e exige demissões.




Tópicos relacionados

trabalhadores da saúde   /    Saúde MG   /    Saúde   /    Belo Horizonte   /    Mundo Operário

Comentários

Comentar