×

Pressa em aprovar ataques | Lira quer votar nessa semana mais um ataque aos trabalhadores, a reforma tributária

O presidente da Câmara dos deputados Arthur Lira (PP), afirmou nesta segunda-feira (16) em seu Twitter que a reforma tributária será pauta no congresso amanhã, terça-feira (17).

segunda-feira 16 de agosto | Edição do dia

Imagem: Agência Brasil

A reforma tributária de Arthur Lira, Bolsonaro e Mourão prevê a redução de impostos para grandes empresas fazendo com que sejam os trabalhadores que paguem pela crise, e que mesmo em meio a pandemia os mais ricos sigam lucrando cada vez mais com base na exploração da classe trabalhadora, que mergulha em uma miséria profunda em que cresce o número de pessoas a atingiram a linha da miséria cujo momento mais assombroso foi a fila do osso em Cuiabá.

A respeito da reforma tributária, veja o ED Comenta

Tudo isso ocorre após a aprovação da privatização dos correios, e da MP1045, que agora tramita no senado e se aprovada será uma continuidade da reforma trabalhista de Michel Temer, medida que prevê a redução de jornadas de trabalhado atreladas a redução salarial com justificativas de que isso geraria mais emprego, mas na verdade, é mais um ataque por parte do governo de Bolsonaro e Mourão, cujo precarização do trabalho afeta principalmente uma juventude pobre e periférica, ao legalizar um novo modelo de trabalho sem vínculo empregatício e sem direitos para os trabalhadores, destinando a população de baixa renda a mais exploração diante da pandemia.

Para ser visto mais a respeito da MP1045, acesse




Comentários

Deixar Comentário


Destacados del día

Últimas noticias