×

Antirracismo | Jogador Taison comemora gol com punho cerrado, em gesto antirracista

Taison, capitão do time Internacional, comemora seu gol no jogo contra com o punho cerrado, em referência ao símbolo de luta antirracista dos panteras negras.

segunda-feira 9 de agosto | Edição do dia

Foto: Ricardo Duarte/DVG/Inter

O jogador, que como tantos, sofreu racismo ao longo da carreira e da vida, depois do preconceito do qual foi alvo quando jogava pelo time ucraniano Shakhtar, prometeu sempre comemorar seus gols de punho cerrado, num gesto antirracista.

Não é novidade que inúmeros jogadores brasileiros sofrem racismo por parte dos comentaristas, jornalistas ou mesmo da plateia. É um absurdo que o racismo, que nasceu junto com o capitalismo, seja reatualizado e reproduzido pela sociedade todos os dias. Gestos como o de Taison, lembram a força da luta negra, e é preciso repudiar qualquer ato racista e enxergar que, para acabar de vez com esse problema, é necessário derrubar também esse sistema que o retroalimenta.




Comentários

Deixar Comentário


Destacados del día

Últimas noticias