×

Inacreditável | Greve na TV/Igreja Mundial: "a pastora falou que somos endemoniados por estarmos lutando, mas o luxo deles está em dia"

Veja denúncia de trabalhadora em greve da TV Mundial que não paga os direitos e nem salário corretamente aos seus funcionários.

quinta-feira 11 de novembro | Edição do dia

Foto: IstoÉ

Radialistas, jornalistas e outros trabalhadores da TV Mundial, que transmite programas e eventos religiosos da Igreja Mundial do Poder de Deus, iniciaram uma greve frente a uma série de atrasos em relação a seus salários, recepção de vale-alimentação e refeição, assim como falta de depósitos no FGTS.

Os trabalhadores denunciam a vida de luxúria de seus patrões, enquanto passam fome por não receber seus direitos. Nessa denúncia, a trabalhadora fala das absurdas palavras da pastora, que além de tudo, é uma enorme mostra de assédio moral:

"Estamos há anos já vindo com salários atrasados e a situação vem se agravando cada vez mais. E nós estamos aqui reunidos em busca dos nossos direitos, que é o nosso salário, que está em atraso. O nosso VA já faz dois meses em atraso e o nosso VR. O nosso fundo de garantia que já faz quase dois anos que não é depositado. E nós estamos aqui, lutando. E os dirigentes, a pastora Raquel e o bispo Luciano, disseram que nós somos "endemoniados" por estarmos lutando pelos nossos direitos. Mas o engraçado é que eles dizem que não têm dinheiro para nos pagar, mas o luxo deles continua em dia, as mansões, os carros, helicópteros, disso eles não abrem mão. Mas dinheiro pra nos pagar eles alegam que não têm. Então é uma hipocrisia acima de tudo falar que não têm dinheiro, sendo que hoje mesmo nós ouvimos aqui pela revista Forbes, eles têm mais de 220 milhões de dólares em patrimônio.

Então como que não tem dinheiro para nos pagar? É uma hipocrisia tamanha. Nós estamos cansados e nós queremos apenas aquilo que é nosso por direito. Então essa é a nossa luta, que é uma luta digna e ela é uma luta legítima da classe trabalhadora porque se a gente não buscar os nossos direitos, a gente não vai receber eles gratuitamente. Então essa é a nossa luta. Por isso, nós estamos aqui de braços cruzados porque ninguém trabalha de graça e a gente quer trabalhar, mas a gente quer acima de tudo receber."

Saiba mais: Enquanto donos da TV/Igreja Mundial vivem no luxo, seus funcionários estão com salários e direitos atrasados




Comentários

Deixar Comentário


Destacados del día

Últimas noticias