Mundo Operário

Demissões

Envie sua foto: campanha em apoio às trabalhadoras metalúrgicas da LG em greve

Todo apoio à luta contra demissões na LG e suas fornecedoras! Unificar as lutas contra demissões e por vacina para todos no dia 20, em que ocorrerá a greve dos trabalhadores do transporte! Nós do Esquerda Diário e do grupo de mulheres Pão e Rosas chamamos todos a divulgar essa luta e fortalecer as trabalhadoras em greve!

sábado 10 de abril| Edição do dia

As trabalhadoras da LG e das três fornecedoras terceirizadas da empresa (Suntech, Bluetech e 3C) estão em greve, lutando contra as ameaças de demissão que estão sofrendo após o anúncio da LG de que não produzirá mais celulares no Brasil. O fechamento deste setor da LG impactará mais de 800 postos de trabalho.

Principalmente nas três fábricas em greve, que são fábricas terceirizadas que fornecem serviços para a LG, a maioria do quadro de funcionários é feminino. São centenas de mulheres que, em meio à pandemia, estão ameaçadas de ficar sem sustento. Muitas que são mães solteiras, arrimo de família, e que agora estão sendo colocadas na rua após terem dado o sangue e suor para garantirem os lucros da LG.
Como afirma Marcelo Pablito nesta declaração, em meio às milhares de mortes, fome, desemprego e postos de trabalho precários, levados a cabo, de um lado por Bolsonaro e seu negacionismo, e de outro por todos os atores desse regime golpista, como STF, governadores e militares, começaram a surgir greves em diversos setores, é necessário que se unifiquem estas lutas.

No dia 20, os trabalhadores dos transportes vão realizar uma greve sanitária por vacina e contra os ataques. Os metroviários de São Paulo já aprovaram indicativo de greve junto dos rodoviários, e há também a discussão dos ferroviários paralisarem. Em outros estados também há trabalhadores dos transportes se organizando para aderir à paralisação. E temos visto nas últimas semanas em diversas regiões do país mobilizações de trabalhadores da saúde, garis e de fábricas como as da LG que citamos aqui. Essas lutas não podem ficar isoladas: são parte de uma mesma batalha para que sejam os capitalistas que paguem pela crise.

Por isso defendemos a unidade dessas mobilizações. As centrais sindicais, como a CUT e CTB precisam romper com seu imobilismo e organizar essas batalhas, com planos de luta, comissões em cada local de trabalho, unificando todos os trabalhadores e categorias nacionalmente, para exigir um plano emergencial para a pandemia e a anulação de todas as reformas que só atacam os trabalhadores.
É por isso que chamamos todos a participarem da campanha de fotos em apoio à greve das trabalhadoras terceirizadas da LG e pela unificação dessa luta com as batalhas em curso, mostrando que unidos somos mais fortes. Para participar, envie sua foto para o whats app do ED (11 97750-9596) com os dizeres:

"Eu apoio as metalúrgicas na linha de frente contra as demissões e fechamento da LG!"

Poste também nas suas redes sociais, e marque o @esquerdadiariooficial e o @paoerosasbrasil!

Com a força dos trabalhadores organizados é possível vencermos essa crise e mostrar que nossas vidas valem mais que os lucros dos capitalistas!

Confira as fotos:




Trabalhadoras da saúde:






Tópicos relacionados

mulher trabalhadora   /    Classe Trabalhadora   /    Mulheres   /    Demissões   /    Desemprego   /    Mundo Operário

Comentários

Comentar