Entidades e alunos impulsionam abaixo-assinado contra a extinção da Demografia Unicamp

Por meio de iniciativa do Centro Acadêmico de Ciências Humanas (CACH) tirada em assembleia, estudantes da Unicamp, entidades estudantis, figuras da intelectualidade e demais interessados, impulsionam abaixo-assinado contra a extinção do Departamento de Demografia do Instituto de Filosofia e Ciências Humanas da Unicamp (IFCH).

segunda-feira 28 de setembro| Edição do dia

Como já viemos denunciando anteriormente, a CAD, Câmara de Administração da Unicamp, decidiu pela extinção do Departamento de Demografia do Instituto de Filosofia e Ciências Humanas (IFCH) da Unicamp no dia 31 de agosto. As razões para tal são administrativas, pois, segundo Deliberação do CONSU A-29/2012 um departamento só pode existir com um número mínimo de 10 docentes e, até o momento, o de Demografia possui apenas oito professores.

Por meio do abaixo-assinado, aqui reproduzido e também impulsionado, entidades e estudantes solicitam ao Conselho Universitário a suspensão do processo e concessão ao Departamento a um tempo maior para sua adequação.

Abaixo assinado pela não dissolução do Departamento de Demografia/Unicamp

Nós, estudantes, entidades e demais interessados abaixo-assinados, expressamos por meio deste nossa profunda indignação pela extinção do Departamento de Demografia do Instituto de Filosofia e Ciências Humanas da Universidade Estadual de Campinas (IFCH/UNICAMP), e solicitamos ao Conselho Universitário que suspenda o processo e conceda ao Departamento um tempo maior para sua adequação.
A extinção do Departamento de Demografia está sendo fundamentada unicamente em razões administrativas, na Deliberação do CONSU A-29/2012 e no regimento da Universidade, que estabelece um número mínimo de 10 docentes por departamento.
O Departamento de Demografia cumpre um papel fundamental dentro da Unicamp e no contexto nacional da Demografia. Internamente, a criação do departamento resolveu questões históricas, como o oferecimento da disciplina de Estatística para Ciências Sociais, antes ofertada pelo Instituto de Matemática, Estatística e Computação Científica (IMECC). Além disso, cumpre papel fundamental para os discentes dos cursos de ciências sociais e geografia, dando o embasamento necessário em demografia para os futuros profissionais, além de poder atender também estudantes interessados dos cursos de História e Estatística. A nível de pós-graduação, o Programa de Pós-Graduação em Demografia é um dos quatro programas existentes no país, alcançando a nota 6 na CAPES. O que fica evidente aqui é que, mesmo não possuindo o número de docentes exigidos, o Departamento de Demografia é extremamente competente academicamente e cumpre sua função dentro da Universidade.
Ainda assim, o Departamento vinha trabalhando para alcançar o número de 10 docentes, mesmo dentro de um contexto de contingenciamento de gastos. No ano de 2019 foi iniciada a formulação de uma nova modalidade em Ciências Sociais intitulada “População e Políticas Sociais” como contrapartida pela contratação de dois novos docentes, o que tornaria a Unicamp pioneira na formação de demógrafos em nível de graduação. A nova modalidade foi aprovada pela Congregação do IFCH e enviada para as instâncias superiores.
Aqui, gostaríamos de frisar que, mesmo o programa de pós-graduação e a nova modalidade não dependerem diretamente do departamento para existirem, a extinção deste representa uma enorme perda para a Demografia na Unicamp. Dentro do curso de Ciências Sociais existe uma forte relação de cada ciência com seu respectivo departamento, e a extinção do departamento implica em limitações práticas dentro da área, que além de ser extremamente importante para o curso, já mostrou que é capaz de trazer contribuições significativas para a formação de diversos profissionais das mais diferentes áreas.
Destarte, reforçamos nosso pedido ao CONSU que conceda ao Departamento de Demografia tempo hábil para que sejam efetuadas as contratações necessárias, tendo em vista o contingenciamento de gastos. Entendemos que o Departamento de Demografia não foi o único a ser encerrado neste processo, mas pedimos que analisem a especificidade deste caso. Acabar com o Departamento será uma grande perda para a Demografia brasileira, e por isso pedimos aos membros do Conselho que tomem uma decisão política, e não simplesmente analisando o contexto administrativo.

Link para o abaixo-assinado: https://docs.google.com/forms/d/e/1FAIpQLScVqTL5K8z8t0h609Jvf5CSMfw0aXcykHuB9-SJtNRWukSSUg/viewform

Para mais informações também consultar página do CACH no Facebook:
https://www.facebook.com/cach.galo.ifch/photos/a.218125538561380/1263827730657817/




Comentários

Comentar