×

MEC | Enquanto tenta impor volta às aulas, MEC gastou 1,6 milhões em publicidade até Maio deste ano

O MEC de Bolsonaro gasta 1,6 milhão em publicidade até maio, mas em nada fala sobre os desafios da educação no momento pandêmico, que conta com mais de 540 mil mortes por corona fruto do negacionismo Bolsonarista e também da demagogia dos governos.

quinta-feira 22 de julho | Edição do dia

Foto: Marcelo Camargo/ Agência Brasil

O total descaso com os jovens, é parte da busca de precarizar ainda mais as vidas da juventude, que não só vão viver no desemprego como também no âmbito educacional é tratado como normativo a atual situação e não é dado nenhum suporte material e psicológico para os estudantes.

A tentativa dos governos é de jogar os professores contra os alunos e pais, na tentativa de impor uma volta às aulas de formas irracionais enquanto gasta milhões em publicidade, anunciando o SISU, Fundeb 2021, isenção do ENEM e PAR( ferramenta de gestão escolar).

Leia também: MEC de Bolsonaro faz demagogia pela reabertura das escolas e ignora nossos mortos

Todas essas publicidades não levam em conta a pandemia, por exemplo a defasagem que os alunos vão ter para enfrentar os vestibulares, filtros social e racial, de mais de um ano e meio de aulas remotos de baixa qualidade ou caso os que não tinham aulas.

A pasta afirma utilizar materiais do ano passado sobre a pandemia, que supostamente são utilizados em momentos específicos mais adequados.

Leia Também: Desligamento por morte sobe 128% entre os profissionais da educação em




Comentários

Deixar Comentário


Destacados del día

Últimas noticias