Sociedade

DEBOCHE

Empresário faz piada com pandemia enquanto SC tem UTIs lotadas

Vinícius Franco Godoy postou em seu Instagram, rede social em que tem quase 90 mil seguidores, video brincando com uma máscara na altura dos olhos em meio a uma festa lotada na praia de Canasvieiras, Florianópolis, e ainda soltando a fumaça do seu cigarro em outros participantes do evento.

terça-feira 16 de fevereiro| Edição do dia

Foto: Reprodução/Twitter

O vídeo demonstra como os magnatas encaram a pandemia. Enquanto os trabalhadores tem que escolher entre morrer pela fome do desemprego ou pela falta de vacinas contra a COVID-19 e leitos , os patrões curtem em festas de luxo e ainda tiram sarro da população. Confira o vídeo publicado sem nenhum pudor pelo empresário em seu próprio perfil:

Enquanto o empresário debocha, Santa Catarina sofre com a falta de leitos de UTI. O estado já tem 615.441 casos confirmados de Covid-19, com 6.746 mortes. A saúde pública de Florianópolis, local em que o empresário brincava com as mortes, sofre com a super lotação dos postos de saúde e ocupação nos leitos de UTIs. Segundo o governo do Estado, outras duas unidades de saúde da capital ultrapassam a margem de ocupação dos leitos em 95%, com apenas uma vaga disponível.

Leia também: Governador do PSL decreta retorno às aulas 100% presencial em Santa Catarina

No total, a capital catarinense tem 86,31% de ocupação dos leitos nas UTIs , na prática isso significa que das 168 vagas oferecidas, apenas 23 funcionam para todos os tipos de pacientes. Segundo a secretaria de saúde de Florianópolis, 53 mil pessoas foram infectadas pela COVID-19 e 440 morreram devido as complicações com vírus.

Pode te interessar: Santa Catarina bateu recordes de mortes por covid-19

É preciso fazer com que patrões como esse do vídeo paguem a crise que eles próprios criaram. Afinal, negaram quarentena para os seus trabalhadores enquanto fazem com que o seu comitê de negócios que é o Estado deixasse a classe trabalhadora sem leitos nem vacinas para que seus lucros fossem garantidos.

O sorriso na cara de Vinícius Godoy sumiria rapidamente se a taxação das grandes fortunas fosse implementada para aumentar os orçamentos da saúde, garantindo a contratação de profissionais de saúde e a produção de mais vacinas. Se usam o dinheiro para fazer festa às custas de mortes de centenas de milhares, então que seus patrimônios sejam expropriados para salvar vidas.

Veja também: "Guerra pelas vacinas": frente à irracionalidade capitalista, anulação das patentes e vacinas para todo mundo




Tópicos relacionados

Empresariado   /    Crise do Coronavírus   /    COVID-19   /    pandemia   /    Florianópolis   /    Nossas vidas valem mais que o lucro deles   /    Santa Catarina   /    Sociedade

Comentários

Comentar