Internacional

CORONAVÍRUS

EUA registram recordes de internações e infecções por dia e já chega a 240 mil mortes por COVID-19

Os casos de COVID-19 tem crescido por todo o mundo, na meio dessa nova onda de casos, ontem os EUA bateram um novo recorde, com maior número de internações em um dia desde o início da pandemia.

quarta-feira 11 de novembro| Edição do dia

FOTO- EFE/Bryan R. Smith

Apenas nos 10 primeiros dias de novembro foram mais de 1 milhão de caso nos EUA. A nova onda parece ser maior, com mais de 100 mil infectados confirmados por dia, já chegando a um total de 10 milhões de pessoas infectadas desde o início da pandemia. A média de mortes por dia volta a ser quase mil e já atinge um total de 240 mil mortes os maiores números do mundo.

O sistema de saúde nos EUA, unicamente privado é um dos elementos desse caos da contaminação e mortes, ainda assim os hospitais estão enchendo e diferente dos outros momentos da pandemia, isso não se limita a uma ou duas regiões.

Segundo dados da Universidade Johns Hopkins, o número de infectados por dia também bateram recordes, com 201.961 casos e reflete a tendência de alta registrada no país.

Esses dados são fruto da política negacionista de Trump, que afirma que a população não deve ter medo da doença e que vem trazendo um discurso negacionista e anticientífico à cerca do vírus, sustentando que a covid-19 não é perigosa.

Quando se infectou, Trump teve acesso aos melhores hospitais e diferentes tipos de medicamentos. Esses fatos escancaram que o presidente só acredita que a covid não é perigosa quando se trata da população mais pobre, que morre aos milhares, mas que para si reserva os melhores tratamentos.




Tópicos relacionados

COVID-19   /    Internacional

Comentários

Comentar