×
Rede Internacional

A LUTA DE CLASSES NA SUA MÃO | ED COMENTA: De Justiça à Roberta, Impeachment, Atos 3J e Luta indígena

Confira os principais temas da semana com o ED Comenta, nosso programa diário de segunda a sábado em vídeos de 2 minutos. Curta, comente e compartilhe!

domingo 4 de julho | Edição do dia

Segunda-Feira(28/06):

Fernanda Peluci, metroviária de SP, comenta sobre o indignante caso de transfobia contra Roberta, mulher trans que teve 40% de seu corpo queimado em Recife. No mês do orgulho LGBT e há 52 anos de Stonewall dizemos: basta de LGBTfobia!

Veja também: LGBT e Marxismo: Revolução nas ruas, nas casas e nas camas

Terça-Feira(29/06):

Carolina Cacau, professora da rede estadual do Rio de Janeiro, comenta sobre a frase escandalosa do ex ministro da saúde de Bolsonaro, Pazuello: “Por mim, só comprava saco preto”. Essa frase foi dita no momento da crise de falta de oxigênio para as vítimas de Covid em Manaus e foi relevada por sua ex-esposa, Andrea Barbosa, numa entrevista. Pazuello caiu, mas a política deste governo Bolsonaro-Mourão continua matando milhares. Por isso, rumo ao dia 3 de junho é preciso lutar por uma greve geral pra derrubar Bolsonaro, Mourão, os ataques e impor uma nova Constituinte.

Saiba mais: Greve geral para derrubar Bolsonaro, Mourão, os ataques e impor uma nova Constituinte

Quarta-Feira(30/06):

Em meio ao escândalo de corrupção e propina na compra de vacinas pelo governo Bolsonaro, hoje está sendo entregue um "super" pedido de impeachment ao congresso. Você sabe o que é?

Leia também: Quem está por trás do Superimpeachment?

Quinta-Feira(01/07):

Flávia Valle, professora em Minas Gerais, comenta quem é Ricardo Barros, velha figura do centrão envolvida nos escândalos de desvios bilionários de verbas de vacinas no governo Bolsonaro e Mourão.

Veja mais: Com Ricardo Barros no olho do furacão, como fica a união Bolsonaro e Centrão?

Sexta-Feira(02/07):

Maíra Machado, professora em São Paulo, comenta sobre os atos chamados pro dia 3 de julho em meio à aos escândalos de corrupção envolvendo o governo Bolsonaro na compra das vacinas e a necessidade da unidade da classe trabalhadora, da juventude, dos indígenas e do conjunto dos oprimidos para derrotar Bolsonaro, Mourão e todo o regime do golpe.

Veja: MRT no 3J: Greve Geral para derrubar Bolsonaro, Mourão, os ataques e impor uma nova Constituinte

Sábado(03/07):

Adailson Rodrigues, ex-rodoviário de Porto Alegre, fala sobre os atos indígenas contra o PL490 do governo racista de Bolsonaro e Mourão.Essa luta é um grande exemplo nesse contexto de ataques e de escândalos do governo. Assista e acompanhe o Esquerda Diário Comenta, informação diária em 2 minutos, com um ponto de vista da classe trabalhadora.

Sobre a luta indígena: Indígenas mostram o caminho da mobilização: unidade com eles e não com a direita




Comentários

Deixar Comentário


Destacados del día

Últimas noticias