×

TODO APOIO À GREVE DO METRÔ/DF! | É greve! Metroviários do DF vão à luta contra Bolsonaro, Ibaneis e o corte de direitos!

Todo apoio à greve dos metroviários do Distrito Federal! Paulo de Ávila Silva, morto pela COVID, pelo descaso da diretoria, de Bolsonaro, Ibaneis e de todos os golpistas e capitalistas, presente! O Esquerda Diário se coloca totalmente à disposição da categoria em luta!

segunda-feira 19 de abril | Edição do dia

FOTO: Metrópoles

Em assembleia realizada na noite deste domingo, 18, os metroviários do DF votaram greve por tempo indeterminado para a 0h da próxima segunda-feira. Sem nenhum avanço por parte da diretoria do metrô e do governo do DF os trabalhadores lutam por um transporte de qualidade para os trabalhadores e contra o descaso do milionário Ibaneis Rocha que além de não garantir as vacinas e os direitos dos trabalhadores pretende avançar com a privatização deste serviço fundamental.

O inspetor de tráfego, Paulo de Ávila Silva, foi a primeira vítima da COVID-19 no Metrô/DF. A culpa é da diretoria da empresa, do multimilionário demagogo Ibaneis, do negacionista Bolsonaro e de todos os golpistas desse regime que querem mais lucros para os patrões e descarregar a crise nas costas da classe trabalhadora e dos oprimidos.

Os trabalhadores exigem o pagamento do auxílio alimentação, assinatura do Acordo coletivo de trabalho e inclusão na lista de prioridade da vacina. As tentativas de negociação do Metrô já não são mais suficientes e os trabalhadores exigem recuperação de seus direitos.

É fundamental que o Sindmetrô/DF articule a unidade na luta entre os metroviarios do DF e os trabalhadores dos transportes de várias capitais que estão indicando paralisações e protestos para o dia 20, a classe trabalhadora é uma só e as categorias juntas são mais fortes contra os patrões, Bolsonaro, Ibaneis e todos os golpistas que nos levaram até aqui.

Leia também: Unificar os focos de resistência: que as centrais sindicais construam um dia nacional de lutas no 20 de abril

O judiciário mais uma vez mostrou que está contra os trabalhadores e, atacando o direito de greve, determinou a manutenção de 60% do funcionamento do metrô menos horários de pico, e 40% nos demais horários, durante a greve. A proposta da direção do sindicato, aprovada em assembleia, foi de acatar e seguir essa decisão.

Diante do descaso com a vida dos trabalhadores, com seus empregos e seus salários, só a greve, só a luta dos trabalhadores, sem nenhuma confiança na diretoria do Metrô, mas também sem nenhuma confiança na justiça golpista que sempre tenta beneficiar os patrões e atuar contra os trabalhadores - não à toa, foi o judiciário quem apoiou, junto de todos os golpistas, todo o projeto privatista de Bolsonaro e Ibaneis e todas as reformas anti-operárias e ultraneoliberais.

Todo apoio à greve dos metroviários do Distrito Federal! Nós do Esquerda Diário nos solidarizamos profundamente com a categoria e colocamos nossa mídia totalmente à disposição de todas e todos os trabalhadores em luta!

Leia mais: “Muitas infecções de covid, alguns precisaram de UTI”. Todo apoio à greve do Metrô/DF!




Comentários

Deixar Comentário


Destacados del día

Últimas noticias