Política

"É do coração", afirma Bolsonaro ao expor torcida por Trump

Sem nenhuma surpresa, Bolsonaro manifesta seu apoio "de coração" ao seu modelo, o reacionário Donald Trump.

terça-feira 20 de outubro| Edição do dia

Tom Brenner - 7.mar.20/Reuters

Durante a assinatura do acordo de comércio com os EUA, Bolsonaro não pode se conter ao manifestar seu apoio ao presidente Trump, que está em meio a disputa pela reeleição presidencial contra o candidato democrata Joe Biden, que vem liderando a corrida presidencial.

"Espero, se essa for a vontade de Deus, comparecer à posse do presidente brevemente reeleito nos EUA. Não podia esconder isso. Não interfiro, é do coração, pelo respeito que tenho com americanos e pelo trabalho e consideração que ele teve conosco que me manifesto desta forma neste momento."

Bolsonaro sabe que o desfecho das eleições nos EUA impactará seu governo, já que como um vassalo declarado de Trump, o presidente brasileiro pode contar com o seu apoio, mesmo que apenas para pequenas concessões.

Bolsonaro, também chamado de "Trump dos trópicos", já sofreu com um revés recente, ao ver derrotado na Bolívia o golpe, com o triunfo eleitoral do candidato de Evo, Luis Alberto Arce. Primeiro Macri, agora a Bolívia, cada uma dessas derrotas da direita internacional vão colocando Bolsonaro e seu reacionarismo cada vez mais isolado no contexto internacional.

Entretanto, não podemos nos enganar, que a provável vitória de Biden significará um golpe na ofensiva imperialista sobre a América Latina, da qual Bolsonaro e o regime golpista brasileiros são produtos. Não é de se descartar um alinhamento entre os interesses democratas e o bolsonarismo, em nome de manter a submissão aos interesses imperialistas no país.




Tópicos relacionados

Donald Trump   /    Eleições Estados Unidos   /    Acordos Brasil-EUA   /    Estados Unidos   /    Política

Comentários

Comentar