×

CPI DA COVID | Domenguetti tem celular apreendido após divulgar áudio que acusaria Luis Miranda

Apreensão se seu celular pela CPI da Covid ao suspeitar sobre a possibilidade do deputado tentar ter feito um acordo direto com empresa que faria a intermediação de vacinas.

quinta-feira 1º de julho | Edição do dia

IMAGEM:Edilson Rodrigues/Agência Senado

O policial militar Luiz Paulo Dominguetti teve o seu celular apreendido pela CPI da Covid no Senado nesta quinta-feira, 01/07. O policial afirmou ser representante no Brasil da empresa Davati Medical Supply, que faz a intermediação em compras de vacinas.

A comissão apreendeu o celular devido a uma supeita em cima de um áudio do deputado Luis Miranda (DEM-DF), citado e reproduzido por Dominguetti durante o seu depoimento na CPI, onde o mesmo disse que Miranda tentou negociar a compra de vacinas com a Davati Medical Supply, a partir do áudio vazado.

Saiba mais: BOMBA 2: Luiz Miranda diz ter recebido oferta para não atrapalhar negociação da Covaxin em reunião com Ricardo Barros

Apesar da atribuição, Dominguetti chegou a comentar que tanto ele como Luis Miranda não chegaram a se falar durante a transição e que o áudio foi emitido em conversa com o CEO da Davati no país, Cristiano Alberto Carvalho. Por outro lado, o deputado negou que tinha relação com compras de vacinas para Covid-19, assim como o CO da empresa.

Leia também: A CPI não é pra salvar vidas, é pra salvar o regime do golpe




Comentários

Deixar Comentário


Destacados del día

Últimas noticias