×

MORTE DE PAULO GUSTAVO | Deveria lavar a boca: Bolsonaro “lamenta” morte de Paulo Gustavo com provocação

Em uma clara provocação, o presidente Jair Bolsonaro, principal responsável pelas mortes pela Covid no país, publicou no seu Twitter seus cínicos "votos de pesar".

quarta-feira 5 de maio | Edição do dia

Foto: Reprodução/Twitter Jair Bolsonaro

O principal responsável pelas mais de 410 mil mortes por Covid-19 no Brasil, dentre as quais está a do artista Paulo Gustavo, foi ao Twitter "se lamentar":

A combinação entre a mensagem e a foto escolhida pelo presidente é uma clara provocação, que se soma a reacionarismos como o do pastor José Olímpio, que falou “Esse é o ator Paulo Gustavo que alguns estão pedindo oração e reza. E você vai orar ou rezar? Eu oro para que o dono dele o leve para junto de si”.

A morte de Paulo Gustavo, como a de centenas de milhares, poderia ter sido evitada não fosse a política negacionista do governo Bolsonaro e militares que boicotaram vacinas, promoveram o vírus e fizeram de tudo para colocar o lucro capitalista acima da vida. Nós nos solidarizamos com os familiares de Paulo Gustavo e de todas as vítimas da Covid, e não deixaremos de combater a política assassina do governo federal e demais governadores em descarregar a crise pandêmica e econômica nas costas da população.




Comentários

Deixar Comentário


Destacados del día

Últimas noticias