Sociedade

CÚPULA DOS BRICS

“Desde o início, critiquei a politização do vírus”, diz Bolsonaro no BRICS

O presidente Jair Bolsonaro, em reunião da cúpula dos BRICS, nessa terça, 17, falou em "politização do vírus" por parte da OMS e organismos internacionais, como se a pandemia não fosse um problema político e de responsabilidade do governo.

Maria Eliza

Estudante de Biologia da UFMG

quarta-feira 18 de novembro| Edição do dia

Em mais uma declaração descabida, o presidente Jair Bolsonaro, na cúpula dos BRICS, lavou suas mãos para o enorme problema multidimensional que é a pandemia, culpando uma "politização do vírus" por parte da OMS (que com certeza tem seus interesses por trás e total influência dos países imperialistas) e organismos internacionais - mas dele, que desde o início fez declarações negacionistas, não.

Pode te interessar: Militar indicado por Bolsonaro para cargo na ANVISA é olavista e critica Coronavac

Bolsonaro diz que foram "os dedicados profissionais da área médica, de enfermagem e farmacêutica que responderam aos desafios e combateram o vírus." como se não tivesse sido ele mesmo responsável por um dos maiores índices de mortes de trabalhadores da saúde por Covid-19 do mundo! Faltou dizer que os dedicados profissionais da saúde não tiveram testes, EPIs, licenças remuneradas para o grupo de risco e nem mesmo materiais de limpeza suficientes para salvar vidas.

"O Brasil lutará para que prevaleça no mundo pós-pandemia um sistema internacional pautado pela liberdade, pela transparência e pela segurança” - completa o presidente, dando a entender que tais pilares são pauta no próprio país, onde houve negacionismo, subnotificação, negligência, e descaso com a vida do povo pobre. Bolsonaro tenta colocar o problema na politização para tirar a responsabilidade do seu governo das milhares de mortes com a pandemia.




Tópicos relacionados

Brics   /    Vacina   /    Negacionismo   /    COVID-19   /    Coronavírus   /    Jair Bolsonaro   /    Sociedade   /    Política   /    Internacional

Comentários

Comentar