×

Descaso | Descaso com a cultura: prédio da Funarte é interditado por risco de incêndio no Rio

Com problemas estruturais os prédios que alojam o extenso acervo de artes da Furnate precisou ser interditado, isso acontece 20 dias após o incêndio da Cinemateca

quinta-feira 19 de agosto | Edição do dia

Foto: Reprodução/Google Maps

Hoje (19) a Funarte interditou uma das suas sedes no Rio de Janeiro por tempo indeterminado. O acervo de teatro que é o maior da América Latina, são cerca de 1 milhão de documentos, contando com setores especializados de circo, música e artes visuais, também tendo materiais de áudio e vídeo.

O prédio de 13 andares no centro da cidade, possui boa parte do acervo da autarquia, que é dirigida por Tamoio Marcondes, o sexto presidente em apenas dois anos do governo Bolsonaro.

Desde 2018 é sabido do risco que o prédio se encontra, com instalações precárias e risco de sobrepeso, a integridade do acervo e das pessoas que trabalham estão em completo risco.

Mais um exemplo de descaso com a arte vindo do governo de Bolsonaro, que não bastou ver queimar a Cinemateca, por muito tempo mantem em condições precárias acervos de arte e cultura raríssimos.

Veja também: Manifestações contra a PEC 32 aconteceram nesta tarde em vários estados




Comentários

Deixar Comentário


Destacados del día

Últimas noticias