Sociedade

CORONAVÍRUS

Deputados bolsonaristas espalham fake news sobre deputado do PSOL que morreu por COVID.

terça-feira 4 de agosto| Edição do dia

A deputada Bia Kicis (PSL-DF) e o deputado Carlos Jordy (PSL-RJ), após a morte de um dos dirigentes do PSOL do Rio de janeiro, Marcelo Biar que era professor de história e estava internado em um hospital de campanha no Leblon por COVID-19, os deputados postaram em suas redes uma acusação covarde alegando que professor e dirigente do PSOL havia encabeçado uma campanha contra Bolsonaro intitulada "Força Covid" nas redes sociais. A direção do PSOL nega essas acusações e não há registros nas redes sociais do militante sobre a propagação dessa campanha.

Como é de costume no Brasil, desde antes da eleição de Jair Bolsonaro, o atual presidente e seus partido do qual na época se utilizaram de fakenews como ferramenta para desmoralizar a oposição política e ajudar e consolidar o golpe institucional, a direita ultra reacionária não abandonou essa ferramenta, e mais uma vez dissemina informações falsas sobre o dirigente Psolista Marcelo Biar, que faleceu recentemente
Vítima de COVID-19. A covardia dos reacionários é tão grande, que para além de atacar a imagem do professor após a morte, o acusaram de ter encabeçado uma Campanha na com a hashtag #ForcaCovid na época em que o presidente jair Bolsonaro testou positivo para o vírus.

De fato, essa tag existiu nas redes sociais fruto da revolta de alguns usuários das redes em relação às declarações de Bolsonaro de que o vírus que hoje mata quase cem mil brasileiros era só uma gripezinha e que ele não era coveiro pra se preocupar com mortes. Tudo como pretexto para direcionar verba pública para o bolso de banqueiros e não para saúde pública. Porém, não existe nada que comprove que Marcelo Biar tenha incitado essa tag e muito menos mencionado isso em suas redes.

Nós do MRT repudiamos qualquer acusação desse tipo e prestamos nossa solidariedade à família e a memória de Marcelo Biar, que foi morto por causa do negacionismo bolsonarista e pelo do estado que sucateia a saúde enquanro está a serviço de amenizar a crise para os empresários descarregando ela nas nossas costas enquanto milhares de trabalhadores, incluindo outros professores assim como Biar, estão sendo demitidos sem seus direitos para que os capitalistas possam manter seus lucros enquanto a população morre nas filas dos hospitais colapsados devido ao COVID-19.




Tópicos relacionados

bolsonarismo   /    Coronavírus   /    Fake News   /    Sociedade

Comentários

Comentar