×

Feminicídio | Deputado Jessé Lopes (PSL-SC) encontra agressor de Maria da Penha para "ouvir sua versão"

Deputado estadual de Santa Catarina postou em suas redes sociais uma foto na qual aparece ao lado do agressor de Maria da Penha, Marco Antonio Heredia Viveros.

terça-feira 31 de agosto | Edição do dia

Foto: Reprodução / Instagram

O deputado estadual Jessé Lopes (PSL-SC) recebeu o ex-marido agressor de Maria da Penha, Marco Antonio Heredia Viveros para ouvir a “sua versão”. Marco Antonio tentou assassina-la duas vezes no ano de 1983.

Pode te interessar: Feminicídio no Brasil cresce com 1.338 casos registrados em 2020

Na primeira tentativa de agressão, deu um tiro nas costas de Maria enquanto ela dormia. Maria da Penha ficou paraplégica devido a lesões irreversíveis na terceira e quarta vértebras torácicas, laceração na dura-máter e destruição de um terço da medula à esquerda – constam-se ainda outras complicações físicas e traumas psicológicos. Quatro meses depois, quando Maria da Penha voltou para casa – após duas cirurgias, internações e tratamentos –, ele a manteve em cárcere privado durante 15 dias e tentou eletrocutá-la durante o banho.

Veja também: Mulher é morta asfixiada em Campinas: Basta de feminicídios e violência de gênero

É repugnante que o gabinete de um deputado abra as portas para receber um agressor conhecido mundialmente pelo crime de tentativa de feminicídio com a desculpa de "ouvir sua versão". Maria da Penha foi agredida e violentada covardemente e já foi comprovado que partia de seu ex-marido as agressões. O deputado Jessé Lopes orgulha-se de bradar "fechado com Bolsonaro" e mostra muito bem a face dessa extrema-direita: horrenda, machista e misógina.

Veja mais: Vítimas de violência doméstica são as que mais perderam emprego e renda na pandemia




Comentários

Deixar Comentário


Destacados del día

Últimas noticias