×

Crise entre poderes | “Deixa acalmar”, diz Bolsonaro após ser cobrado por bolsonaristas a manter ataques ao STF

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) disse publicamente que seria necessário “deixar acalmar” a situação após ter sido cobrado a manter os ataques ao STF e a rebater as declarações do ministro Luiz Fux, presidente da corte do Superior Tribunal Federal (STF).

sexta-feira 10 de setembro | Edição do dia

Fux havia dito, após as falas de caráter golpista de Bolsonaro no dia 07 se setembro, que o Supremo não iria tolerar ameaças.

Bolsonaro buscou também minimizar as críticas que estava sofrendo de apoiadores após divulgar a carta intitulada "Declaração à Nação", em que cinicamente afirma que em nenhum momento teve alguma "intenção de agredir quaisquer dos poderes", como o judiciário através do STF.

Após a tentativa de dialogar com as críticas que estaria sofrendo dos seus seguidores de extrema direita, Bolsonaro também pediu "calma" aos seguidores, dando a entender que os ataques ao STF poderiam voltar futuramente.

Saiba mais: Recuo de Bolsonaro é organizado para preservar o regime e os ataques

Veja abaixo o vídeo.




Comentários

Deixar Comentário


Destacados del día

Últimas noticias