Sociedade

SOLIDARIEDADE

Criança serve café da manhã para garis e declara que “todo mundo precisa do trabalho deles”

Com apenas 6 anos, a garota Sofia pediu à mãe para organizar um café da manhã para os coletores de lixo de seu bairro, em um município do interior de São Paulo.

quinta-feira 17 de dezembro de 2020| Edição do dia

Foto: Talita Tolini

Na manhã desta terça-feira, 15, coletores de lixo que trabalham no município de Santa Bárbara d’Oeste, em São Paulo, foram surpreendidos com café da manhã organizado e servido por uma garota de 6 anos, Sofia Tolini.

Segundo sua mãe, a costureira autônoma Talita Tolini, a menina sempre admirou o trabalho dos garis, dizendo que “todo mundo precisa do trabalho deles”.

Quando a família viu um vídeo na internet de uma iniciativa parecida em outro país, Sofia quis organizar o café da manhã na rua de casa. Segundo a mãe, “ela ficou esperando eles a manhã inteira. Arrumou a mesinha e ficou lá esperando eles. Aí ficaram super felizes”.

Os garis coletores de lixo ficaram surpresos e contaram que foi a primeira vez que receberam um agrado assim. A ideia de Sofia e sua família é poder divulgar mais essa ideia para que mais pessoas recebam e agradem os garis que limpam as ruas e a cidade todos os dias.

Exemplos de singela solidariedade com trabalhadores tão essenciais e ao mesmo tempo invisíveis, ainda mais em tempos de pandemia, destoam da postura de empresas e governos, que precarizam ainda mais o trabalho de quem já faz muito pela população. Ainda hoje o Esquerda Diário publicou uma denúncia de um trabalhador gari de São Paulo sobre as condições extenuantes de trabalho a que estão sendo expostos pela empresa.

Pequenos exemplos de solidariedade como este, de uma criança de 6 anos, demostram como os trabalhadores essenciais tem apoio da população em suas reivindicações e lutas e é possível ir por muito mais.




Tópicos relacionados

Garis   /    Sociedade   /    São Paulo

Comentários

Comentar