Pandemia

Confiante em seu negacionismo, Bolsonaro diz “O tempo vem provando que estávamos certo”

Em gravação para a cúpula do G20, o presidente cinicamente reafirma sua gestão em relação à pandemia.

sábado 21 de novembro| Edição do dia

IMAGEM: Sérgio Lima/Poder360

Neste sábado (21/11) o presidente da república Jair Bolsonaro realizou uma gravação destinada aos demais líderes do G20, defendendo sua gestão assassina da pandemia, reafirmando a necessidade de cuidar da saúde e da economia simultaneamente, o que, na realidade, se expressou em desvalorizar as vidas em nome dos lucros dos capitalistas ao longo desses últimos meses, através de sua política negacionista que persiste até hoje, através de comentários que seriam cômicos se não fossem trágicos acerca dos fenômenos de segunda onda, por exemplo.

Ainda que o vídeo fosse curto, a ausência da consideração da quantidade de mortos por covid-19 no país, onde chegamos a 168.613 mortes e mais 6 milhões de casos, por si só já demonstra o quão cínico ou ilusória a apologia de seu governo. Assim, como o próprio fechamento que visa o compromisso de trabalhar para o crescimento econômico ou a liberdade dos povos, também escancara que isso tudo pode estar acima da vida das pessoas, sobretudo da classe trabalhadora que vem pagando com suas políticas, que inclusive vem sucateando a saúde através de reformas, e ajustes fiscais e privatizações.

Com o áudio enviado, Bolsonaro levanta sua “contribuição” para o encontro da cúpula do G20 ocorre virtualmente neste final de semana, mas com inúmeras contradições que são visíveis independentemente de seus discursos.




Tópicos relacionados

Negacionismo   /    pandemia   /    G20   /    Governo Bolsonaro   /    Jair Bolsonaro

Comentários

Comentar