Política

DUPLA FUNÇÃO

Câmara dos vereadores do Recife adia votação de lei que proíbe dupla função

A decisão foi poucos dias após o governador Paulo Câmara (PSB) liberar a dupla função em todas as linhas.

segunda-feira 21 de setembro| Edição do dia

A implementação da dupla função tem sido um grande ataques aos rodoviários do Recife. Desde antes da pandemia já vinha sido implementado em algumas linhas. No entanto, na semana passada o governador Paulo Câmara (PSB) liberou para a dupla função ser implementada em todas as linhas, usando a crise econômica como justificativa.

No entanto, estava marcada para hoje a votação de um projeto de lei que proibia a dupla função na cidade do Recife. Os rodoviários, que já protagonizaram várias mobilizações, marcaram uma mobilização para a manhã de hoje.

No entanto, o presidente da Câmara, Eduardo Marques (PSB) - mesmo partido do governador e do prefeito do Recife, retirou o projeto da pauta sem maiores explicações.

Esse é mais um ataque os rodoviários e a população. A dupla função, onde já foi implementada, mostrou seu efeito: motoristas mais sobrecarregados no trabalho, a viagem fica mais lenta (pois o motorista tem de dar o troco) e mais acidentes. Além disso, isso irá resultar na demissões de milhares de trabalhadores, no meio da pandemia, num momento onde o desemprego bate recordes. Tudo isso em nome de preservar o lucro das empresas de ônibus, que mandam e desmandam a vontade.

A manobra do presidente da câmara mostra que os trabalhadores podem confiar apenas em suas próprias forças. Por isso, nós do MRT e do Esquerda Diário apoiamos a mobilização dos rodoviários e convocamos a população a fazer o mesmo!




Tópicos relacionados

Rodoviários Recife   /    Paulo Câmara (PSB)   /    Pernambuco   /    Recife   /    PSB   /    Recife   /    Política

Comentários

Comentar