Brasil registra maior número de mortes por Covid em 24 horas desde 29 de julho

País registrou 1.452 mortes em 24 horas, maior marca desde 29 de julho, neste intervalo de tempo. A média móvel de mortes dos últimos 7 dias subiu 1073 mortes por dia, que é a maior desde o dia 26 de julho.

sexta-feira 12 de fevereiro| Edição do dia

Foto: Amazônia Real

Na última quinta-feira (11), o Brasil registrou a maior marca de mortes em 24 horas desde o dia 29 de julho de 2019, batendo 1.452 mortes, o que elevou também a média móvel da semana para a maior desde junho do ano passado, também. Os dados foram levantados e divulgados pelo consórcio de veículos da imprensa. É o terceiro maior registro desde o início da pandemia, ficando atrás somente de 4 de junho (1.470 mortes) e de 29 de julho (1554 mortes). O dia também registrou 53.993 confirmações de novos infectados, com a média móvel dos últimos 7 dias em 45.504 infecções confirmadas por dia.

Atualmente, o Brasil já contabiliza 236.397 mortos pela Covid, tendo 9.716.298 casos confirmados desde o início da pandemia, sendo um dos países com maior mortalidade pela doença no mundo, atrás somente dos EUA com mais de 475 mil mortos.

O levantamento demonstra os efeitos da chamada segunda onda, que retorna com os mesmos números catastróficos do primeiro pico da pandemia no ano de 2019. Os estados mais atingidos nas taxas de mortes e infecções são os estados do norte e nordeste: AC, PA, RR, TO, BA e MA




Tópicos relacionados

Vacina contra a covid-19   /    Vacina   /    Vacinação   /    Crise do Coronavírus   /    COVID-19   /    Coronavírus

Comentários

Comentar