×

Enchentes na Bahia | Bolsonaro usa alagamentos na Bahia para criticar medidas de isolamento social

O presidente comparou os efeitos da econômicos das medidas de isolamento social à tragédia na Bahia, que afetou mais de 70 mil pessoas.

segunda-feira 13 de dezembro de 2021 | Edição do dia

Imagem: Divulgação/Corpo de Bombeiros de Paulo Afonso

As enchentes atingiram principalmente a região sul da Bahia, ocasionada por um ciclone tropical formado no oceano subtropical. Cinco pessoas morreram e 175 foram feridos em decorrência das enchentes, além de 6.746 pessoas que ficaram desalojadas e 3.744 desabrigados.

- Bahia: Chuvas atingem mais de 70 mil pessoas e deixam milhares desabrigadas

O presidente se pronunciou no último domingo, dia 12: quando questionado sobre os responsáveis sobre a tragédia, Bolsonaro afirmou que "esses fenômenos naturais infelizmente acontecem", e comparou a tragédia com os efeitos econômicos do isolamento social instalado devido à Covid: "Também tivemos uma catástrofe no ano passado, quando muitos governadores, e o pessoal da Bahia, fecharam todo o comércio e obrigaram o povo a ficar em casa".

O presidente não mencionou, entretanto, os efeitos da própria política negacionista e do descaso do regime com as vidas trabalhadoras, que resultou na morte de mais de meio milhão de brasileiros que poderiam ter sido evitadas.

Marcello Pablito: "Plano de emergência já para atender as vítimas das enchentes na Bahia"




Comentários

Deixar Comentário


Destacados del día

Últimas noticias