×

LGBTFOBIA | Após criança propor trabalho sobre mês LGBT na escola e ser atacada, ato ocorre hoje em Campinas

Ato nessa quinta-feira, 17, acontece em frente à Escola Estadual Aníbal de Freitas, onde há uma semana ocorreu um caso de lgbtfobia contra uma criança de apenas 11 anos, por parte de pais e funcionários da escola.

quinta-feira 17 de junho | Edição do dia

Imagem: Unsplash

O ato "Todes pelo Lucas", organizado pela União Campineira dos Estudantes Secundaristas (UCES), ocorre hoje às 10 horas em frente à Escola Estadual Aníbal de Freitas.

Como noticiamos aqui, o caso de lgbtfobia aconteceu em um grupo do 6º ano do Ensino Fundamental no WhatsApp, após o estudante propor trabalho escolar sobre o mês do orgulho LGBT. Pais e funcionários da escola responderam a criança dizendo que a ideia era “absurda”, “inapropriada” e que deveria ser apagada.

Em declaração, a professora Flávia Telles disse "Se eu pudesse dizer algo a esse estudante de 11 anos, diria que ele não está sozinho, que existem muitos professores, pais e estudantes que também defendem esses debates nas escolas e que lutamos por uma educação que debata e combata toda forma de opressão, que combata a censura de debates, e para que negros, mulheres e LGBTs possam ser verdadeiramente livres. Estamos com você!"

Pode te interessar: [PODCAST] 055 Feminismo e Marxismo – Geração Z

O grupo Nossa Classe Educação e o grupo de mulheres Pão e Rosas chamam todos ao ato às 10 horas em solidariedade ao Lucas, contra a lgbtfobia e por uma educação pública, de qualidade, laica e diversa.




Comentários

Deixar Comentário


Destacados del día

Últimas noticias