×
Rede Internacional

CRIME CAPITALISTA | Alta letalidade: já são 65 internados e 24 mortos do crime capitalista no metrô no México

Sendo um dos "acidentes" de trens e metrôs mais letais das últimas décadas, o crime capitalista no metrô no México já deixa 65 internados e 24 mortos.

terça-feira 4 de maio | Edição do dia

Carlos Jasso/Reuters

O crime capitalista que aconteceu na noite de ontem no México, quando houve um colapso na ponte do Metrô Olivos, já deixa 65 pessoas internadas e 24 mortes. O desabamento ocorreu às 22:30 dessa segunda-feira, na linha 12.

A situação de risco da estrutura era conhecida pelos governos e pela população. Marcelo Ebrad, atual secretário das Relações Exteriores, foi o responsável por essa obra, que terminou com quase 1 ano de atraso e foi superfaturada pelo governo e grandes empresas que a construíram.

Veja a cobertura do caso pelo La Izquierda Diario México




Comentários

Deixar Comentário


Destacados del día

Últimas noticias