×

Exportação de madeira ilegal | Alexandre de Morais transfere a investigação de Salles do STF para Justiça do Pará

A pedido da Polícia Federal, mentora da operação Akuanduba, o ministro do STF Alexandre de Moraes enviou para a Justiça do Pará o caso do ex-ministro do meio ambiente, Ricardo Salles.

quarta-feira 21 de julho | Edição do dia

Foto: Lula Marques

Ontem, 20, o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Alexandre de Moraes transferiu da corte para a Justiça do Pará as investigações da Operação Akuanduba, que envolve Ricardo Salles dentre outros sob suspeita de um esquema de exportação ilegal de madeira. A própria Polícia Federal, que iniciou a operação, fez esse pedido ao ministro.

Há quase um mês, pouco depois da exoneração de Salles, uma outra investigação contra o ex-ministro do meio ambiente foi enviada por Cármen Lúcia do STF para o Tribunal Regional Federal da 1ª Região (TRF-1).

Enquanto ministro, Salles apenas podia ser investigado no Supremo, com foro privilegiado. Mas, uma vez fora do cargo, cabia aos ministros da casa transferir os casos. Moraes argumentou que a Akuanduba necessitava ir para primeira instância.

“Os elementos de prova produzidos indicam, neste momento processual, que os crimes teria ocorrido, primordialmente, no município de Altamira/PA” - escreveu o ministro do STF.

Veja também:




Comentários

Deixar Comentário


Destacados del día

Últimas noticias