×
Rede Internacional

escassez das vacinas | 5 capitais suspendem aplicação da primeira dose por falta de vacina

As cidades de São Paulo, Campo Grande, João Pessoa, Florianópolis e Aracaju não irão realizar a primeira dose da vacinação contra a Covid-19 nesta terça-feira (22) por falta de abastecimento. No Brasil já são mais de 500 mil mortes pelo coronavírus.

terça-feira 22 de junho | Edição do dia

As capitais alegam falta de distribuição das doses por parte do Ministério da Saúde, e hoje apenas será aplicada a segunda dose da vacina nessas cidades. Algumas como Aracaju e Florianópolis afirmam que não há previsão para chegada de mais unidades.

O Ministério da Saúde, chefiado pelo bolsonarista Marcelo Queiroga, culpa as capitais pela escassez das vacinas, pois estas não estariam seguindo à risca o plano nacional de aplicação das doses, que é tão racional e eficiente que deixa atrás de si mais de 500 mil mortes pelo coronavírus.

Na capital de SP mais de 60% dos postos de vacinação ficaram sem nenhuma dose da vacina, e então o secretário da Saúde suspendeu as aplicações. A prefeitura diz que espera ainda hoje receber 188 mil doses. Os números de vacinados no Estado de São Paulo com a primeira dose está abaixo de 35%, e com a segunda não passam de 14%.

Aracaju menos de 38% da população recebeu a primeira dose. A Secretaria do Estado da Saúde de Sergipe afirma que não há previsão de novos lotes da vacina. Em Campo Grande também houve estancamento na distribuição por parte do Ministério da Saúde. O estado de Mato Grosso do Sul conta com menos de 39% da população com a primeira dose, e menos de 15% com a segunda.

Santa Catarina também aguarda os lotes de vacina e conta com menos de 34% da população com a primeira dose, e menos de 11% com a segunda.

Veja também:
Vacina para todos com quebra de patentes e sem indenização aos capitalistas!




Comentários

Deixar Comentário


Destacados del día

Últimas noticias