COVID-19 RN

27,4 pessoas morrem por COVID todos os dias no RN

Somente nos primeiros 9 dias do mês de abril, 247 pessoas morreram em decorrência da COVID-19 no Rio Grande do Norte, após o mês mais letal da pandemia até agora, março, no qual faleceram 882 pessoas. A fila para vaga em leitos de UTI chegou a 144 no meio do mês e agora tem 40 pessoas para 10 leitos disponíveis. Ao passo que representantes dos governos estadual e municipal destacam a abertura de novos leitos, o que está cravado na memória de milhares de potiguares é a perda recente de familiares e amigos por falta de oxigênio e leitos.

sexta-feira 9 de abril| Edição do dia

Com mais de 330.000 mortes pela COVID-19 em todo o Brasil, a responsabilidade do negacionismo de Bolsonaro nunca foi tão evidente, nesta nova alta nacional de mortes, há um mês anunciava “chega de frescura, de mimimi”, ao mesmo tempo que em praticamente todos os estados profissionais da saúde relataram exaustão e anunciavam a falta de sedativos, que hoje os obriga amarrar pacientes em leitos. Naquele momento se marcavam 1.860 mortes em 24 horas, ontem chegaram à marca de 4.296.

Neste verdadeiro pesadelo, a responsabilidade está dividida também com os governadores, que com discursos distintos, também colaboraram para os colapsos sanitários em cada estado, com aval do STF, Congresso Nacional e Senado. Na capital potiguar, o prefeito Álvaro Dias (PSDB) buscou seguir a cartilha bolsonarista à risca, motorizando reaberturas comerciais. Já Fátima Bezerra (PT) cedeu sucessivamente à FIERN, à Fecomércio, às Igrejas, em conluio com as Centrais Sindicais, como ficou demonstrado novamente no último decreto estadual, no qual os professores de escolas particulares voltam a dar aulas presenciais até o 5º ano e todos os comércios são reabertos, com toque de recolher das 20 as 06h, para aumentar a repressão nas periferias.

Novamente se comprova que um real combate à pandemia só pode acontecer se imposto pela força da mobilização da classe trabalhadora e da juventude, como desenvolvemos neste artigo. Nossas vidas valem mais que os lucros capitalistas.




Tópicos relacionados

Variantes do Coronavírus   /    Nordeste   /    MORTES COVID-19   /    Álvaro Dias (PSDB)   /    Crise do Coronavírus   /    COVID-19   /    Coronavírus   /    Fátima Bezerra (PT)   /    Natal   /    Rio Grande do Norte

Comentários

Comentar