×

Internacional | 24J: em várias cidades pelo mundo, manifestantes saem às ruas contra Bolsonaro

Neste 24J ocorreu em várias cidades pelo mundo atos contra Bolsonaro e seu governo reacionário e assassino que já levou mais 540 mil mortes no Brasil pelo coronavírus. O repúdio a esse governo repercutiu por países na Europa e na Ásia.

sábado 24 de julho | Edição do dia

Foto: ato em Viena, Áustria

Neste sábado, 24J, vem ocorrendo os novos atos contra Bolsonaro e a catástrofe que seu governo representa para toda a população pobre e trabalhadores, além das mulheres, negros, indígenas e LGBTQI+, e toda sua política negacionista e assassina, que junto com Mourão, o Congresso, STF e governadores, é responsável pelas centenas de milhares de mortes na pandemia. Em vários países pelo mundo, ocorreram também atos contra Bolsonaro e tudo que é de mais asqueroso que seu governo representa.

Berlin, Alemanha

Dublin, Irlanda

Lisboa, Portugal

Nagoya, Japão

Veja também: No 24J chamamos um bloco independente pela greve geral para derrotar Bolsonaro e Mourão

No Brasil ocorreram atos em inúmeras cidades, algumas já estão ocorrendo nesta manhã de sábado, e ocorrerão ao longo de toda a tarde.

Apenas a força dos trabalhadores, aliados aos estudantes e à sociedade de conjunto terá força para expulsar Bolsonaro, Mourão e os militares do poder, e barrar os incessantes ataques que precarizam cada vez mais as nossas vidas. Sem confiança nos parlamentares da CPI da covid, que apesar de investigarem vários escândalos do governo Bolsonaro, estão todos juntos na hora de aprovar os ataques e reformas impostas por esse governo, tampouco no STF e no poder judiciário que já se provou diversas vezes do lado dos interesses capitalistas, contra os trabalhadores.

É por isso que nós do Esquerda Diário levantamos a necessidade de que as grandes centrais sindicais construam uma Greve Geral para parrar os ataques e impor uma nova Constituinte. A força da nossa mobilização é a única saída para a saída da crise.

Confira a cobertura completa do 24J: a luta de classes na sua mão




Comentários

Deixar Comentário


Destacados del día

Últimas noticias