×

REABERTURA DAS ESCOLAS | 2 mil casos de COVID nas escolas em SP após o retorno presencial forçado por Dória

Sindicato de Professores fez mapeamento em 908 escolas e encontrou cenário de calamidade extrema, com quase 2 mil contaminados, entre alunos, professores e funcionários.

sexta-feira 5 de março | Edição do dia

Imagem: Rovena Rosa/Agência Brasil

A Apeoesp (Sindicato de Professores do Estado de São Paulo) fez um mapeamento e contagem de contaminados pelo coronavírus nas escolas paulistas e encontrou um quadro gravíssimo.

Segundo os números informados pela entidade, são 1952 casos de profissionais da educação contaminados. Os números são atualizados toda manhã, até a tarde de ontem(04) eram 1909 casos, hoje este número já foi superado.

São diversos os profissionais contaminados em toda a estrutura de trabalho escolar, desde alunos e professores, funcionários das diretorias e portarias escolar e também profissionais de limpeza.

Este quadro gravíssimo demonstra que este absurdo retorno sem nenhum planejamento verdadeiro em meio à nova crescente do coronavírus é extremamente inseguro e perigoso e já vem se demonstrando na prática, com a morte de alguns professores e profissionais da educação de escolas.

Nós do Esquerda Diário viemos fazendo a cobertura dia-a-dia do retorno às aulas e também das movimentações e lutas da categoria contra o retorno a aula e os desmandos de Dória e Covas. Acompanhe por aqui.




Comentários

Deixar Comentário


Destacados del día

Últimas noticias