www.esquerdadiario.com.br / Veja online / Newsletter
Esquerda Diário
Esquerda Diário

Domingo 29 de Noviembre de 2020
14:35 hs.

Twitter Faceboock
WILSON WITZEL
Segundo PGR, Wilson Witzel organizou um esquema de "rachadinha da saúde"
Redação

Esquema de rachadinha, para desviar dinheiro do Fundo Municipal de Saúde, mostra cobrança de 10% do valor total do repasse a sete prefeituras

Ver online

[Foto: Carlos Magno / Governo do Rio]

A Procuradoria-Geral da República apontou mais um esquema de desvio na saúde do Rio de Janeiro em que o governador afastado, Wilson Witzel, e o ex-secratário de saúde Edmar Santos teriam orquestrado uma rachadinha no repasse do Fundo Estadual de Saúde a sete prefeituras.

Do total transferido para esses municípios, 10% do valor voltaria para o grupo do governador. Segundo o depoimento, que foi confirmado pelo ex-secretário de saúde, do empresário apontado como operador financeiro do grupo, Edson Torres, o plano da secretária Estadual de Saúde era transferir 600 milhões de reais aos fundos municipais com o objetivo de superfaturar obras nessas cidades, para que o parte desse dinheiro voltasse para o núcleo comandado pelo pastor Everaldo (PSC).

Esse é mais um esquema na área da saúde que envolve o nome do Governador Witzel e que ocorre no meio dessa crise sanitária em que esses recursos são indispensáveis para o combate à pandemia. Reforçamos aqui, o que já dissemos em outras matérias, que não devemos confiar no autoritarismo do judiciário e que o impeachment de Witzel serviria para trocar os jogadores dos esquemas de corrupção do Rio de Janeiro e que somente os trabalhadores organizados em luta podem romper de fato com esse sistema corrupto e explorador.

 
Izquierda Diario
Redes sociais
/ esquerdadiario
@EsquerdaDiario
[email protected]
www.esquerdadiario.com.br / Avisos e notícias em seu e-mail clique aqui