www.esquerdadiario.com.br / Veja online / Newsletter
Esquerda Diário
Esquerda Diário

Viernes 30 de Octubre de 2020
05:19 hs.

Twitter Faceboock
ENSINO REMOTO NA UFES
Reitoria da UFES impede manifestação contra EARTE usando a PM
Faísca - UFES

Evidenciando a arbitrariedade com que a reitoria da UFES vem implementando o Ensino Remoto, colocando a PM para reprimir a manifestação e impedir estudantes, professores e técnicos administrativos, de acompanhar a reunião do Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão (CEPE), que está acontecendo na tarde desta quinta-feira (13).

Ver online

Como publicamos ontem nesse diário, a Reitoria da UFES negou aos estudantes o mínimo acompanhamento das votações do novo calendário. Nesta quinta-feira (13), estudantes, professores e técnicos foram recebidos de forma totalmente autoritária pela PM na porta da Reitoria, sendo impedidos de manifestar contra a implementação do Ensino Remoto e de acompanhar a reunião do CEPE, que tem como pauta central passar a proposta de resolução que implementará o excludente e racista Ensino Remoto. Reunião essa que por si só já é extremamente fechada à participação ativa dos estudantes. 

É importante lembrar que, como herança da gestão passada (Reinaldo/Ethel), a reitoria demitiu os vigilantes terceirizados e os substituiu pela implementação de Policiais Militares aposentados por todo o campus, com a falsa justificativa de “melhorar a segurança” e identificar “perfis de supostos infratores”, numa postura escancaradamente racista de barrar a entrada de pessoas negras e pobres dos espaços da universidade, gerando o oposto a uma “proposta de segurança”, já que a presença da polícia militar impede o livre arbítrio dos estudantes, disseminando clima de medo, onde vivenciamos diversas cenas de desrespeito, como a repressão de qualquer protesto que comecemos contra as condições de injustiça e precarização na universidade. Herança essa que a Reitoria atual de Paulo Vargas, reitor nomeado por Bolsonaro, segue não só à risca, como aprofundando os métodos autoritários, evidenciando o papel que essa estrutura de poder na universidade que é a reitoria, não está do nosso lado.  

PM reprime estudantes na votação do Ensino Remoto na UFES!

Publicado por Esquerda Diário em Quinta-feira, 13 de agosto de 2020

Mais um entre diversos ataques que a reitoria despeja nas costas da comunidade universitária. Não depositamos nenhuma confiança na reitoria, que em todo esse processo arbitrário de implementação do Ensino Remoto, passou por fora de qualquer espaço democrático para que os estudantes, professores e técnicos pudessem expor suas posições e demandas, passando um projeto que abrirá margem ainda maior para a precarização e a privatização da educação, impedindo que principalmente as e os estudantes negros e pobres entrem e permaneçam na universidade.

Confiamos na força da auto organização dos estudantes e fazemos um forte chamado para as entidades estudantis e correntes de esquerda, que mobilizem assembleias nas bases dos cursos, que busquemos iniciativas em conjunto, bem como propomos que a partir dessa articulação, construamos comissões de acompanhamento e denúncia das dificuldades que o Ensino Remoto trará aos estudantes. Que o DCE não aceite nenhum ataque da reitoria, coloque todo seu peso e influência para contribuir no avanço da mobilização dos estudantes para que sejamos nós a decidir o rumo da universidade em meio e pós pandemia.

Estudantes são reprimidos pela PM na aprovação do Ensino Remoto na UFES!

Publicado por Esquerda Diário em Quinta-feira, 13 de agosto de 2020

Não aceitaremos o autoritarismo da Reitoria em conivência com os ataques deste governo!

Ver também: UFES: lutemos contra o ensino remoto e a precarização

 
Izquierda Diario
Redes sociais
/ esquerdadiario
@EsquerdaDiario
[email protected]
www.esquerdadiario.com.br / Avisos e notícias em seu e-mail clique aqui