www.esquerdadiario.com.br / Veja online / Newsletter
Esquerda Diário
Esquerda Diário

Domingo 18 de Agosto de 2019
09:39 hs.

Twitter Faceboock
CONTRA AS DEMISSÕES DA DONNELLEY
Donnelley quer que trabalhadores aceitem quietos o seu calote!
Redação

Gráfica que lucrou por anos com impressão do Enem fecha e deixa mil familias nas ruas. Advogado da empresa diz que é improvável o pagamento das verbas rescisórias. É preciso que a Força Sindical organize a luta, unificando os trabalhadores gráficos da região e organizando uma campanha financeira para amparar os trabalhadores!

Ver online

Durante os últimos dias os trabalhadores da RR Donnelley deram uma bela demonstração da sua disposição de luta, com seus atos na Anhanguera. Deixaram escancarada a violência cometida pela empresa que da noite para o dia fechou as fábricas, deixando quase mil trabalhadores e suas famílias na rua, e ainda por cima dando o calote até nas verbas rescisórias.

É por isso que a empresa que estava "sumida" enviou seu advogado - de um dos escritórios mais caros do país, pois pra isso eles têm dinheiro! - para organizar o quanto antes as rescisões dos contratos dos trabalhadores. A empresa tem medo de que os trabalhadores continuem se organizando e se mobilizando para impedir as demissões, ou mesmo para impor o pagamento dos seus direitos e das verbas rescisórias. Por isso está fazendo uma chantagem forte, dizendo que não tem nem como pagar as verbas rescisórias, que os trabalhadores não têm chance de receber isso agora, e que é melhor aceitarem rapidamente as rescisões para poderem sacar o FGTS e entrar no Seguro Desemprego. Pura chantagem. É o que a empresa mais quer, que os trabalhadores aceitem isso e desistam de defender seus empregos, e até mesmo de lutar pelo pagamento das verbas rescisórias, deixando isso para um processo na justiça que ninguém sabe quanto tempo vai levar, nem no que vai dar.

Todo mundo sabe que a Donnelley está mentindo. Dizer num papel que está falindo é fácil. Mas cadê as centenas de milhões que ganharam com o suor dos trabalhadores imprimindo o ENEM? Cadê o dinheiro dos contratos da Shell, da Saraiva, Bradesco, Companhia das Letras, e tantos outros? Eles que mostrem as planilhas e livros de contas pra provar!

E que mostrem também todo o dinheiro que estão mandando para a matriz nos EUA. É a maior gráfica do mundo e está dando o calote nos trabalhadores, deixando mil famílias na rua. Aproveitam das medidas do governo Bolsonaro, que fechou Ministério do Trabalho, apoiou a reforma trabalhista, e vai aos EUA dizer ao Trump que o Brasil está de portas abertas para suas empresas virem fazer isso!

Não a toa o desemprego continua crescendo, e juntando com os que fazem bico ou desistiram de procurar já são 33 milhões! É nessa situação que querem deixar os trabalhadores. E ainda querem aprovar a reforma da previdência, para trabalharmos até morrer! Quem vai arrumar emprego assim?

A Donnelley fez a mesma coisa na Argentina, fechando as fábricas e deixando os trabalhadores na rua. Lá os trabalhadores puderam mostrar que, com muita organização, seguindo mobilizados, buscando apoio da população, das organizações de esquerda e exigindo dos sindicatos que organizem a luta, podem ter muito mais força que os patrões. Foi assim que arrancaram da justiça uma liminar que declarava a ilegalidade do fechamento da fábrica, o que a empresa deveria cumprir, reabrindo a fábrica. Mas ela não cumpriu. Então os próprios trabalhadores decidiram assumir a fábrica, colocá-la para funcionar, e até hoje seguem com seus postos de trabalho.

Se os trabalhadores continuarem se mobilizando não precisam cair na chantagem da empresa, pois não têm nada a perder, e bem organizados têm força pra defender seus direitos. Podem continuar as manifestações, e fortalecer ainda mais a luta, propondo ao sindicato que busque medidas judiciais para fortalecer a mobilização, que faça uma campanha financeira de solidariedade aos trabalhadores demitidos para sustentar a luta, e que chame os trabalhadores das outras gráficas a também se mobilizarem em apoio a essa luta, já que se depois da Abril a Donnelley fechar desse jeito, fica muito mais fácil para qualquer outra fazer a mesma coisa, e ninguém sabe qual será a próxima, todos estão na mira.

 
Izquierda Diario
Redes sociais
/ esquerdadiario
@EsquerdaDiario
contato@esquerdadiario.com.br
www.esquerdadiario.com.br / Avisos e notícias em seu e-mail clique aqui