www.esquerdadiario.com.br / Veja online / Newsletter
Esquerda Diário
Esquerda Diário

Domingo 26 de Mayo de 2019
05:49 hs.

Twitter Faceboock
PROTESTO NO ESPÍRITO SANTO
Espírito Santo: Moradores protestam contra instalação de tanques de combustível
Redação

Nesta quarta-feira (20) moradores de Ilha das Flores, em Vila Velha, ES, protestam contra a instalação de tanques de combustível na área da Codesa localizada no bairro que ficarão perto das comunidades e dos trabalhadores portuários, o que trará riscos de explosão, poluição e aumento no tráfego de caminhões.

Ver online

Manifestantes usaram pneus e madeira para bloquear a estrada de Capuaba, trancando a entrada para o porto. O protesto iniciou 7 horas da manhã sem horário previsto para terminar. Para o jornal Gazeta, Ercílio Martins, líder comunitário afirma: "Estamos protestando contra a vinda de tanques de combustíveis para o quintal da nossa comunidade. Os danos materiais, a desvalorização até dos imóveis. Mas estamos preocupados agora é com a saúde da população. Esses tanques aqui, ocorrendo uma explosão, Ilha das Flores vai sumir."

Procurada, a Codesa enviou uma nota em que afirma que as mudanças que serão feitas estão de acordo com a legislação e que foram discutidas em audiência pública. Entretanto, os moradores afirmam que os responsáveis pela implementação jamais conversaram com a comunidade.

Mais uma vez a preocupação com os trabalhadores não existe para o Estado. Diversos exemplos no estado do Espírito Santo mostram que a ganância e sede de lucro sempre passam por cima da vida da população. Assim como nesse caso da instalação de tanques de combustível trazendo sérios riscos para a vida da comunidade, temos também o descaso das empresas responsáveis pelas barragens de água que já denunciamos por apresentarem riscos desde a construção..

Não podemos esquecer que a Vale, que tem as mãos sujas de sangue junto aos governos estdual e federal no crime de Mariana e 3 anos depois na monstruosidade em Brumadinho é a mesma Vale que polui indiscriminadamente o ar e o mar do Espírito Santo com a mistura de partículas de minério de ferro e carvão, conhecido como "pó preto", afetando seriamente a saúde da população e o meio ambiente.

Essas tragédias e anunciações de tragédias devem nos mobilizar a lutar contra esses parasitas que lucram com as riquezas do país e mesmo sobre os nossos cadáveres continuam enriquecendo. As trabalhadoras e trabalhadores precisam tomar a frente das lutas, se organizando em cada local de trabalho e estudo, para que grandes fortunas do país sirvam não mais aos interesses dos imperialistas, mas sim do povo brasileiro, garantindo saúde, educação, transporte e moradia a milhões de pessoas.

 
Izquierda Diario
Redes sociais
/ esquerdadiario
@EsquerdaDiario
contato@esquerdadiario.com.br
www.esquerdadiario.com.br / Avisos e notícias em seu e-mail clique aqui