www.esquerdadiario.com.br / Veja online / Newsletter
Esquerda Diário
Esquerda Diário

Domingo 22 de Septiembre de 2019
23:03 hs.

Twitter Faceboock
TEMPORAL ABC PAULISTA
Maíra Machado denuncia caos no ABC e responsabiliza governo e prefeituras
Redação
Ver online

Na madrugada desta segunda, 11, diversos bairros da região do ABC na Grande São Paulo ficaram completamente alagados após forte temporal. A situação é de emergência total, com a confirmação até o momento de 17 mortes pelas enchentes e deslizamentos provocados pela chuva. Direto de Santo André, a professora Maíra Machado fala da situação de muitas famílias que foram surpreendidas pela rápida destruição da água e dos milhares de trabalhadores que ficaram ilhados nas estações de trem. Maíra denuncia a responsabilidade do governo do estado de São Paulo e das prefeituras da região que permitiram que a situação chegasse a esse limite e ameace a vida da população.

A professora Maíra já havia mostrado em sua página a situação de abandono e risco em que estão diversas escolas estaduais da região do ABC, onde os alunos, professores e a comunidade escolar estavam submetidos a infiltrações de água e alagamentos por conta das chuvas. Um retrato do projeto do PSDB, que há décadas governa para os ricos e contra os trabalhadores e pobres. E não é só nas escolas, as fotos divulgadas mostram que a tragédia após o temporal de ontem no ABC é mais uma face do descaso do governo e prefeituras, que ataca a vida de toda a população.

Maíra faz um chamado à mais ampla solidariedade com os moradores que tiveram suas casas destruídas e perderam quase todos seus pertences, assim como cobra que as prefeituras e o governo ofereçam imediatamente todas as condições de atender às necessidades da população afetada, empenhando em caráter de urgência todos os recursos necessários para isso.

Mais esse episódio de calamidade, após algumas semanas de ter acontecido na cidade do Rio de Janeiro uma situação semelhante, com seis pessoas mortas, e após a tragédia anunciada de Brumadinho em Minas Gerais fica escancarado que para os poderosos não valem nada as vidas dos trabalhadores e população pobre, que estão nas piores moradias e mais expostos a esses riscos que são frutos da exploração capitalista desenfreada e irracional, além negligência das prefeituras e governos que servem para assegurar que os lucros estejam a frente da vida.

 
Izquierda Diario
Redes sociais
/ esquerdadiario
@EsquerdaDiario
contato@esquerdadiario.com.br
www.esquerdadiario.com.br / Avisos e notícias em seu e-mail clique aqui