Cultura

Websérie “No olhar” chega a sua segunda temporada revelando universo de fotógrafos brasileiros

“No Olhar” é uma websérie que exibe semanalmente episódios com depoimentos dos principais fotógrafos do Brasil. O projeto lançou sua segunda temporada em outubro de 2017. Nessa nova etapa, foram reunidos profissionais das áreas de fotojornalismo, publicidade, editorial, documental e conceitual, como Ana Carolina Fernandes, Flavio Damm, Kazuo Okubo, Nana Moraes, Simonetta Persichetti, Tiago Santana, Walter Carvalho, Walter Firmo entre outros.

Gabriela Farrabrás

São Paulo | @gabriela_eagle

terça-feira 20 de março| Edição do dia

“No Olhar” é uma websérie idealizada pelos irmãos Tiago e Marcelo Ferraz. O primeiro episódio da websérie foi ao ar em dezembro de 2014, com a entrevista de ninguém mais que Sebastião Salgado, e encerrou sua primeira temporada contando com 10 entrevistas e voltou agora em outubro de 2017 com sua segunda temporada, e vem se tornando um dos principais acervos da memória da fotografia nacional recente.

O projeto traz o desafio de revelar o universo de grandes fotógrafos brasileiros, em um formato documental e revelando ao espectador conteúdos sobre a linguagem fotográfica, trazendo algo além de informações e tutoriais técnicos de fotografia. De acordo com o diretor do projeto, Tiago Ferraz, a ideia de produzir a websérie surgiu durante o período acadêmico, quando sentiu falta de informações sobre fotógrafos brasileiros, compiladas em formato documental. “Hoje encontramos muitos tutoriais técnicos sobre fotografia, mas ainda existe uma carência em conteúdo sobre linguagem fotográfica e sobre a trajetória dos fotógrafos. Durante a produção da primeira temporada, percebemos que esta websérie ia além de um simples registro e o que tínhamos em mãos era um acervo da memória da fotografia brasileira dos últimos anos”, complementa.

A seleção dos entrevistados apresenta uma diversidade de linguagens da fotografia nacional como é o caso da fotógrafa Nana Moraes, que iniciou no fotojornalismo e migrou para a publicidade e editorial. Nana já produziu mais de mil capas para revistas do mercado brasileiro, além de realizar trabalhos pessoais como cobertura de manifestações populares e lançamento dos livros “Desamadas e Ausência”, onde ela dá voz às pessoas excluídas.

Outro entrevistado, nessa temporada, é o fotógrafo Flavio Damm, que tem 90 anos de idade, 70 anos de carreira, já fotografou Getúlio Vargas e fundou a agência fotográfica Image nos anos 70, publicou diversos livros com suas imagens em preto e branco.

Trazendo outra linguagem fotográfica, como a fotografia para filmes, temos Walter Carvalho, renomado fotógrafo com mais de 60 filmes em sua carreira, reconhecido pela direção de fotografia de obras como “Central do Brasil”, “Carandiru” e “Cazuza”.

Essa temporada ainda traz entrevistas com Simonetta Persichetti (SP), que em 2010 foi considerada melhor crítica fotográfica do Brasil; Tiago Santana (CE), fotojornalista e documentarista que enaltece o Nordeste, fundador da editora Tempo d’Imagem; Ana Carolina Fernandes (RJ) fotojornalista que publica ensaios pessoais sobre a cultura das praias do Rio em jornais como O Globo, Jornal do Brasil, Agência Estado e Folha de S. Paulo; Antonio Guerreiro (RJ), retratista que consagrou diversas musas do Brasil nos anos 70 e 80; Anna Kahn (RJ), especializada em fotografia documental, fez parte de exibições sobre direitos humanos e mostrou seu talento com vídeos e documentários com visibilidade internacional; Kazuo Okubo (DF), fundador da Casa da Luz Vermelha, a primeira galeria do Centro Oeste especializada em fotografia ; Custódio Coimbra (RJ), fotojornalista que há 20 anos está à frente dos fotógrafos do Jornal O Globo ; Bruno Veiga (RJ), fotojornalista que trabalhou em jornais como O Globo e Jornal do Brasil, agência Tyba, e em 1995 fundou a Strana Agência Fotográfica; Milton Guran (RJ), primeiro brasileiro a juntar fotografia e antropologia, é realizador e coordenador geral do FotoRio, pesquisador associado ao LABHOI e Membro da diretoria executiva da Rede de Produtores Culturais da Fotografia no Brasil; Rogério Assis (radicado SP), o primeiro fotógrafo a ter acesso à tribo Zo’é, foi correspondente da Folha de S. Paulo em Nova Iorque, foi editor de fotografia para a América Latina da Starmedia Network e participou de exposições no Brasil e em diversos países, como EUA, Cuba e Alemanha; Marcia Charnizon (MG), fotógrafa que explora artisticamente a diversidade cultural israelense, em uma união de música e fotografia, com olhar e vozes femininas; Luiz Garrido (RJ), um dos maiores especialistas em retrato do Brasil, que está no último episódio a ir para o ar no dia 12 de março.

Os próximos episódios trarão ainda Kitty Paranaguá (RJ), que fazregistros do Rio de Janeiro, seus morros e praias; Paulo Marcos (RJ), fotojornalista e sócio da GALERIA Oriente no RJ; Marcos Bonisson (RJ), artista, fotógrafo e professor de artes visuais e fotografia; Pedro Vasquez (RJ), fotógrafo, pesquisador, crítico, curador, jornalista e professor; Joaquim Paiva (ES), fotógrafo e colecionador de fotografia brasileira contemporânea e estrangeira ;Dario De Dominicis (radicado no RJ), fotógrafo italiano, suas fotografias foram publicadas em várias publicações internacionais (Newsweek, Sunday Time, El Pais, Der Spiegel, Le Monde); Walter Firmo (RJ), fotojornalista, trabalhou no Jornal do Brasil e para as revistas Realidade, Manchete, Veja e IstoÉ, teve seu trabalho publicado no Brasil e no exterior por diversas vezes, sendo um dos fotógrafos mais premiados na história da fotografia brasileira.

Mas essa busca pelo lado humano dos entrevistados não fica só nos 9 ou 12 minutos de cada vídeo, também aparece na contrapartida do projeto, que já chegou a mais de 100 crianças da rede pública de ensino, que tiveram a oportunidade de aprender um pouco sobre fotografia, se encantando por esta arte. “Essa iniciativa é muito gratificante, pois promove a descoberta de novos talentos nas áreas menos favorecidas da sociedade”, acrescenta Ferraz.

Onde: Toda segunda-feira as 21h no canal do youtube No Olhar TV.




Tópicos relacionados

Cultura

Comentários

Comentar