ELEIÇÕES NA ARGENTINA

Votou Del Caño: "É muito necessário que a esquerda tenha força para enfrentar as lutas que se aproximam"

O candidato presidencial pelo PTS na Frente de Izquierda, Nicolás del Caño, votou. Logo após a votação, o candidato à presidência pelo PTS na Frente de Izquierda Unidad disse algumas palavras.

domingo 27 de outubro| Edição do dia

"Fizemos uma grande campanha a pulmón,com milhares de simpatizantes, amigas, amigos e militantes. A expectativa é fortalecermos aumentando a quantidade de votos das PASO e pensando no Congresso Nacional, pensando que vai ser muito necessário que a esquerda tenha força para enfrentar as batalhas que virão”, afirmou.

Também remarcou "já vimos o que significou na sexta-feira esta nova corrida e desvalorização, os aumentos dos preços que já estão impactando nos salários da maioria do povo. O que estamos defendendo nesta campanha como medidas de fundo para que a esta crise seja paga por aqueles que a geraram tem uma validade muito importante para o que virá".

"No dia de hoje esperamos nos fortalecer pensando nestas lutas: como se vê na América Latina, o povo tomando as ruas, e hoje se está vendo sua força e organização frente a governos que ajustam e tem defendido o modelo neoliberal e a herança da Ditadura de Pinochet, no caso do Chile, e me parece que é um grande exemplo para a Argentina e toda América Latina”, disse.

Para finalizar deu ênfase em que “é impossível conciliar interesses dos poderosos, do Fundo Monetário e do povo. Frente a estas situações virão lutas muito importantes. "




Tópicos relacionados

FIT-U   /    PTS   /    Frente de Esquerda e dos Trabalhadores (FIT)

Comentários

Comentar