Opinião

CONSTITUINTE OU DIRETAS?

Vídeo da Mesa do 24M: debate de conjuntura e estratégias com participação de Esquerda Diário

Está disponível o vídeo na íntegra da mesa debate sobre conjuntura política, que aconteceu no 24M em Campina Grande (PB), que contou com a presença de Gonzalo A. Rojas, Professor de Ciência Política da UFCG, por Esquerda Diário, o professor Marcio Caniello, da Unidade Acadêmica de Ciências Sociais da mesma universidade e atual presidente do Partido dos Trabalhadores (PT) em Campina Grande e David Lobão pela CSP-Conlutas, que também é militante do Partido Socialismo e Liberdade (PSOL).

Shimenny Wanderley

Campina Grande

segunda-feira 5 de junho| Edição do dia

O debate foi organizado pela Comissão de Mobilização da Associação dos Docentes da UFCG (ADUFCG), como parte das atividades do 24M, dia das mobilizações do Ocupa Brasília contra as reformas da previdência e trabalhista e contra os ataques aos trabalhadores do governo golpista institucional de Temer.

Foi um de debate de estratégias sobre a conjuntura política, polarizando as diferentes saídas para a crise centralmente entre Constituinte Já! ou Diretas Já!

Gonzalo Rojas teve oportunidade de desenvolver argumentos em defesa de uma Constituinte Livre e Soberana, fruto das mobilizações, como saída para a crise, uma constituinte transicional e anticapitalista que tenha como objetivo não recompor este sistema político podre, mas substituí-lo.

Como a mesa foi realizada no 24M recomendamos complementar com a leitura da Declaração da Fração Trotskista pela Quarta Internacional, organização internacional da qual o Movimento Revolucionário dos Trabalhadores (MRT) faz parte, sobre a crise aberta no Brasil, publicada por este jornal na terça-feira 30 de maio intitulada: O Brasil como elo débil da crise internacional.

Em síntese foi uma mesa política que fez um debate de estratégias relevante e que serviu para debater conjuntura nacional mais que necessária no 24 M enquanto continuamos lutando para que as centrais sindicais organizem assembleias de base para que a nova greve convocada para o dia 30 de junho sirva para derrubar o governo Temer e enterrar as reformas.

Assista aqui o vídeo:




Tópicos relacionados

Greve Geral   /    Assembleia Constituinte   /    #24M   /    Opinião   /    Política

Comentários

Comentar