Internacional

Viatura da polícia atropela manifestantes em protesto contra os EUA nas Filipinas

quarta-feira 19 de outubro| Edição do dia

Dezenas de pessoas ficaram feridas após um protesto em frente à embaixada dos Estados Unidos nas Filipinas terminar em confronto violento nesta quarta-feira em Manila, capital do país. Segundo as autoridades filipinas, ao menos 50 manifestantes e 30 policiais sofreram ferimentos.

Diversos vídeos de televisões locais e redes internacionais flagraram viaturas sendo depredadas e policiais revidando as agressões. Uma das gravações mais chocantes do protesto mostra um furgão da polícia filipina atropelando um grupo de manifestantes. Confira abaixo:

O ato realizado nesta quarta-feira por aproximadamente 700 pessoas visava protestar contra a militarização promovida em terras de grupos indígenas e apoiar as polêmicas medidas contra o tráfico de drogas promovidas pelo presidente Rodrigo Duterte – desafeto do americano Barack Obama.

De acordo com integrantes do grupo de militantes Sandugo, um dos organizadores do ato, ao menos 29 pessoas foram presas durante a manifestação.

A versão da polícia é que o conflito teve início quando alguns manifestantes atacaram uma viatura a poucos metros da entrada da embaixada americana. Agentes policiais teriam então lançado gás de pimenta para dispersar a multidão. Obviamente, entretanto, a repressão começou por ordem do governo Duterte e do chefe de polícia de Manila.

O diretor de operações da polícia filipina, Marcelino Pedroso, relatou à CNN que o motorista do furgão que atropelou os manifestantes teria "entrado em pânico". Isso teria "obrigado" o policial a atropelar inúmeras vezes os manifestantes.




Tópicos relacionados

Estados Unidos   /    Internacional

Comentários

Comentar