Vestida de golpe: Lojas Americanas defende Bolsonaro e vende camiseta com sua estampa

Jenifer Tristan

ABC Paulista

quinta-feira 30 de agosto| Edição do dia

O empresário Jorge Paulo Leman que controla as lojas americanas no Brasil, é um dos bilionários mais ricos do país e tem sua vida ligada diretamente à direita golpista, financia eventos do MBL e Vem Pra Rua.

O site colocou à venda camisetas contra Lula e defendendo sua prisão arbitraria, o judiciário brasileiro está na ofensiva para dar continuidade ao golpe e pela via das eleições aprovar o plano de ajustes imperialista para nos fazer pagar a crise. A direita soube aproveitar o livre caminho pavimentado que o PT deixou, abriu o caminho para a direita se estalar livremente e hoje utilizam a “justiça” para implementar sua agenda de ataques.

Bolsonaro que já destilou aos quatro cantos boas doses de reacionarismo, homofobia, racismo, machismo e xenofobia, não sabe falar sobre economia ou responder nada de concreto sobre seu plano de governo tem camisetas vendidas no site das lojas americanas. O site faz sua defesa do “MITO”.

É uma clara demonstração de que Jorge Paulo Leman, as lojas americanas e um punhado de empresários se posicionam favorável ao golpe e o aprofundamento da crise económica no país, fazendo ela pesar nas costas da classe trabalhadora, pela via de mais exploração e repressão, militarização é a resposta que eles têm para a crise no país. Aprovar a reforma da previdência e com a reforma trabalhista aumentar suas taxas de extração de mais-valia, se submetendo ao imperialismo e seus ditames para controlar a situação.

Nas redes sociais muitos internautas abriram questionamentos sobre a venda e para preservar o lucro as lojas americanas resolveram tirar os produtos do site, mas não o seu posicionamento, provavelmente com medo de campanhas contra a marca ou algum tipo de boicote.




Tópicos relacionados

golpe   /    Eleições 2018   /    Bolsonaro

Comentários

Comentar