Sociedade

PRIVATIZAÇÕES

Vereadores aliados a Doria tentam aprovar privatizações a todo custo na Câmara

O prefeito Dória, com pressa de aprovar seus projetos de privatização, teve mais um atraso em seus planos. Ontem (27), o projeto foi retirado da pauta de votações da Câmara Municipal de São Paulo.

quarta-feira 28 de junho| Edição do dia

O plano de Dória (PSDB) era a aprovação das privatizações antes do fim do primeiro semestre. Já tendo somado o atraso da privatização do Pacaembu devido o não comparecimento de alguns vereadores de sua base na votação, teve seu outro projeto novamente retardado.

A alegação dos vereadores é que a prefeitura precisa de "maior transparência" no projeto. Um dos pontos tocado após a sessão foi a cobrança de explicação frente a pressa do prefeito em aprovar as privatizações. Uma das vereadoreas da base de Dória, Patrícia Bezerra (PSDB), chegou a defender um plebiscito para melhor discutir com a sociedade a venda da cidade.

Este projeto prevê a entrega para a iniciativa privada de parques, do bilhete único e de terminais de ônibus. Diversos movimentos sociais sabendo da possibilidade da votação das privatizações comparecem a sessão. Mesmo com tudo isso, o prefeito e sua base ainda apontam para aprovação das privatizações até o fim do semestre, sendo necessário ainda duas votações.

Pode te interessar:

Dória viaja a Miami para discursas sobre "privatizações" em encontra internacional

"cidade linda" de Dória é cinza e privatizada




Tópicos relacionados

João Doria   /    PSDB   /    Privatização   /    Sociedade

Comentários

Comentar