RACISMO

VÍDEO: Racista faz black-face nos EUA e é protegido por policiais contra manifestantes negros

Um homem nos EUA usou o black-face no meio da rua para incentivar ódio racista contra os manifestantes que lutam contra a violência policial que mata milhares e milhares de negros, dentre esses Jorge Floyd, brutalmente asfixiado por um policial supremacista branco.

domingo 7 de junho| Edição do dia

O black-face é uma prática racista, na qual brancos se pintam de preto com o objetivo de “caricaturar” pessoas negras com traços estereotipados. A prática era corrente durante a segregação racial dos EUA, período de massacre e perseguição violenta à população negra por meio das leis Jim Crown, quando brancos racistas debochavam dos traços negros em peças teatrais, comerciais de TV, entre outras práticas.

O policial, como mostra o vídeo, conduz passivamente o manifestante, dialoga tranquilamente com ele até que este saía do protesto com uma chuva de vaias, e isso afirma o quão racista é a polícia e como lida com extrema violência contra os manifestantes negros que exigem uma luta anti racista e anti violência policial e que são recebidos com imensa repressão, enquanto um homem de “black-face” é tratado com polidez.

Acompanhe no Esquerda Diário durante todo o domingo a cobertura completa dos atos pelas vidas negras que acontecem internacionalmente, mas também os atos antirracistas e antifascistas contra Bolsonaro que acontecem hoje no Brasil.




Tópicos relacionados

Coronavírus e racismo   /    Racismo   /    Racismo EUA   /    Racismo

Comentários

Comentar