ATO INTERNACIONAL CONTRA O RACISMO E DA VIOLÊNCIA POLICIAL

[VÍDEO] Chamado internacional das trabalhadoras domésticas e da limpeza ao ato antirracista

Trabalhadoras domésticas e da limpeza, categoria essencial ao coronavírus mas muitas vezes tratadas como descartáveis pelos patrões, fazem um chamado ao Ato Internacional Simultâneo contra o Racismo e a Violência Policial da Fração Trotskista, hoje, 15h, dizendo que a vidas das mulheres negras e trabalhadoras importam!

sábado 11 de julho| Edição do dia

Em todo o mundo, há um batalhão de empregadas domésticas, enfrentando todos os dias a pandemia, a precarização do trabalho, garantindo o lucro e o luxo alheio. No Brasil, a profissão conta com cerca de 6,5 milhões de pessoas, destas mais de 90% são mulheres, e quase 70% são negras

Confira o chamado das companheiras do Pão e Rosas na Argentina, Estado Espanhol, Chile, Bolívia, Brasil e diversos países para o Ato Internacional Simultâneo contra o Racismo e a Violência Policial da Fração Trotskista, hoje, 15h, dizendo que a vidas das mulheres negras e trabalhadoras importam!




Comentários

Comentar